BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

NA ITÁLIA: Morre Padre Emílio Noce que atuou nas igrejas Catedral e São Cristóvão

Ele trabalhou por mais de 40 anos em Porto Velho, onde era muito conhecido

RONDONIAOVIVO

14 de Novembro de 2020 às 11:58

Atualizada em : 15 de Novembro de 2020 às 09:35

Foto: Divulgação

 

O padre Emilio de La Noce, 82 anos, faleceu na Itália, país onde nasceu, neste sábado (14), vítima de Covid-19. Ele atuou por 40 anos em Porto Velho, nas igrejas São Cristovão e Catedral. A Arquidiocese de Porto Velho emitiu uma nota sobre a morte dele.

 

O arcebispo de Porto Velho, Dom Roque Paloschi, informou que em todas as igrejas da capital serão celebradas, nesse sábado, missas em memória do padre Emílio. “Também faremos as celebrações de sétimo dia para ele”, adiantou.

 

Dom Roque lembrou que o padre foi uma pessoa que se dedicou aos mais necessitados, em especial, os de nossa cidade. “Devo louvar e bem dizer pela vida e missão do padre. Após oito anos, de ser ordenado padre na Itália, ele veio para Porto Velho. Era um apaixonado pela palavra de Deus e pela caridade com pobre e idosos”, disse.

 

Uma característica de padre Emílio, segundo Dom Roque, era o despojamento das coisas materiais. Ele revelou que ao se aposentar no Brasil, o padre decidiu abrir mão desse benefício em favor dos pobres. “A aposentadoria dele era administrada por nós para ajudar os pobres. Ele decidiu assim. Tinha um coração muito generoso”, disse.

 

Padre Emílio foi dedicado à formação de novos padres em Porto Velho, dando aulas de filosofia no Seminário Maior São João XXIII, em Porto Velho.    

 

Confira no anexo abaixo, a nota oficial da Arquidiocese de Porto Velho:

Documentos anexos

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS