FAMÍLIA: Morre Sarah Obama, a 'avó' queniana do ex-presidente dos EUA Barack Obama

Mama Sarah estava internada no Hospital Jaramogi Oginga Odinga, de Kisumu. O motivo de sua internação não foi especificado

FAMÍLIA: Morre Sarah Obama, a 'avó' queniana do ex-presidente dos EUA Barack Obama

Foto: Divulgação

Sarah Obama, a quem o ex-presidente americano Barack Obama considerava sua avó, faleceu aos 99 anos, nesta segunda-feira (29), em um hospital de Kisumu, no oeste do Quênia - informou sua filha.
 
"Foi com Deus. Faleceu esta manhã", disse sua filha Marsat Onyango hoje à AFP.
 
Sarah Obama estava internada no Hospital de Ensino e Referência Jaramogi Oginga Odinga, de Kisumu, acrescentou, sem especificar o motivo de sua internação.
 
Nascida em 1922 perto do lago Victoria, Sarah Obama, conhecida como "Mama Sarah", foi a terceira esposa de Hussein Onyango Obama, avô paterno do ex-presidente dos EUA. Este ex-combatente do Exército britânico na então Birmânia faleceu em 1975.
 
Embora não tivessem laços de sangue, o ex-presidente comentou, diversas vezes, que a considerava como sua avó e a visitou em diferentes ocasiões.
 
No Quênia, "Mama Sarah" virou uma celebridade quando recebeu em 2006 a visita do neto, então senador por Illinois.
 
Depois de ser eleito presidente em 2008, a modesta casa de Sarah no povoado de Kogelo se transformou em um destino turístico, protegido por seguranças e muros.
 
Em sua viagem presidencial ao Quênia em 2015, Barack Obama se reuniu com ela e sua família em Nairóbi.
 
Em 2018, após seu mandato, ele também a visitou, desta vez em Kogelo
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS