BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CONQUISTAS: Escolas estaduais de Ji-Paraná alcançam nota máxima no Ideb

Escolas da zona rural de Presidente Médici também são destaques na educação estadual

GOVERNO DE RO

24 de Setembro de 2020 às 14:54

Foto: Paulo Sérgio/Governo de Rondônia

Das escolas estaduais que atendem ao Ensino Médio em Rondônia e que funcionam no sistema de educação integral, a Alejandro Yagüe Mayor, de Ji-Paraná, foi a mais bem avaliada pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) com a nota 6.
 
O Ideb é um indicador que mede a qualidade do ensino nas escolas públicas a cada dois anos e foi criado pelo governo federal. Outras três escolas estaduais em Ji-Paraná também superaram as metas projetadas pelo Ministério da Educação (MEC), são elas: Cora Coralina, Marcos Bispo e Janete Clair, localizadas em periferias do município.
 
O professor de matemática da Escola Alejandro Yagüe Mayor, Emerson Lauro, e a estudante do 3º ano, Maria Rita Mazzo, comemoraram a nota. O professor classificou a boa avaliação escolar como sendo uma ferramenta eficiente para aferir o grau de aprendizado dos alunos. “Estamos satisfeitos. O trabalho em equipe é o diferencial para esse resultado”.
 
Maria Rita Mazzo disse que o resultado obtido no Ideb remete ao objetivo da escola, que é ofertar o melhor. “Sou feliz por estudar em um local excelente e com professores incríveis”, disse a aluna.
 
“Estes resultados tão favoráveis respondem ao empenho e dedicação do corpo docente e gestão de cada escola, mais o envolvimento do aluno e da comunidade escolar neste processo. Isso revela o comprometimento do governo estadual, por meio da Secretaria estadual de Educação (Seduc), em ofertar educação de qualidade”, pontuou a coordenadora regional de educação local, professora Rosangela Marum.
 
Além dos expressivos resultados obtidos, outras duas escolas da zona rural de Presidente Médici também foram destaques no ensino de mediação tecnológica. Localizadas nos distritos de Novo Riachuelo e de Estrela de Rondônia, as escolas de Ensino Fundamental e Médio Dona Benta e Emburana, respectivamente de cada localidade, estão entre as melhores no ensino, nos anos iniciais e finais.
 
Para ter um bom resultado no Ideb, a pesquisa avalia a baixa taxa de reprovação e de abandono de estudos e, também, bons resultados no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), que é mais uma alternativa do governo federal que poderá ser usada para acesso ao Ensino Superior.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS