MAUS-TRATOS: Polícia resgata jovem mantido em cárcere privado pela família

Ele estava em um quarto sem iluminação, ventilação, com ração humana, fezes, larvas e baratas

MAUS-TRATOS: Polícia resgata jovem mantido em cárcere privado pela família

Foto: Divulgação

 

Um jovem de 23 anos foi resgatado pela Polícia Militar de São Paulo no domingo (28). O rapaz morava com o pai e a madrasta e ficava em um quarto sem iluminação, ventilação, com ração humana, fezes, larvas e baratas. As informações são do jornal Agora.
 
 
De acordo com a Polícia Militar, os agentes foram até o local após uma denúncia de maus-tratos. Segundo os policiais, um vizinho da casa ao lado recebeu a equipe e confirmou que naquele imóvel teria um rapaz com as características informadas na denúncia e que ele sofria de problemas mentais.
 
 
 
Após insistirem para a mulher abrir a porta, a PM entrou na casa e encontrou o jovem deitado na cama em um colchão sujo, debilitado e com aparência de maus-tratos. Ainda conforme a polícia, o cômodo era totalmente insalubre, sem ventilação e iluminação.
 
 
Aos agentes, o rapaz contou que apanhava com pedaço de ferro. Ainda não se sabe por quanto tempo o jovem permaneceu em cárcere privado. Depois do resgate, o rapaz foi levado para o Hospital Municipal Professor Dr. Waldomiro de Paula.
 
 
 
De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o rapaz está bem e seu estado de saúde é estável. Entretanto, não há previsão de alta médica. Ainda segundo a pasta, o serviço de assistência social foi acionado para acompanhar o caso.
 
 
 
Segundo o jornal Agora, a PM também deu voz de prisão em flagrante à madrasta. Já o pai, que estava trabalhando, foi preso assim que compareceu ao 63º DP (Vila Jacuí). Ambos responderão por cárcere privado e maus-tratos. A defesa do casal não foi localizada pela reportagem do jornal.
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS