NOVOS LUGARES: Cidades de Fortaleza e São Luís lançarão rota turísticas integrada

Fortaleza busca ampliar parcerias para atrair mais turistas para a cidade

NOVOS LUGARES: Cidades de Fortaleza e São Luís lançarão rota turísticas integrada

Foto: Divulgação

As secretarias de Turismo de Fortaleza e São Luís, capitais do Ceará e Maranhão, respectivamente, lançam até o final do mês uma nova e integrada rota ligando as duas cidades. O projeto, que já conta com apoio de operadoras e empresas do trade da região, tem como base uma viagem de dez dias feita por via terrestre e passando por uma série de outros conhecidos destinos.
 
Fortaleza ou São Luís podem ser ponto de partida ou chegada e, ao longo do percurso, os viajantes passam por Paracuru, Jericoacoara, Tutoia e percorrem, em território maranhense, a Rota das Emoções.
 
A rota de Fortaleza a São Luís deve ser lançada oficialmente no próximo dia 26 e fortalece um plano de cooperação entre as capitais nordestinas em busca da consolidação do Nordeste como um destino único com profusão de opções e oportunidades para viajantes.
 
Entusiasta dessa política e idealizador da rota integrada entre Ceará e Maranhão, o secretário de Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira, defende que mais iniciativas como a da rota integrada passem a ser elaboradas e espalhadas. “Disputar o turista, tirando ele do seu vizinho não é inteligente. Por que não fazer um trabalho conjunto e encontrar uma maneira de compartilhar o viajante entre esses destinos?”, questiona.
 
PARCERIAS
 
A tese de Pereira virou política da secretaria liderada por ele e resulta na construção de ligações diretas com outras cidades. Além da ação organizada com São Luís, há também uma versão de rota ligando Fortaleza e Natal e outras em fase de organização e que devem sair do papel em breve. O secretário se espelha nas rotas europeias para arquitetar essas parcerias.
 
Mucuripe é uma das conhecidas praias da capital cearense
Mucuripe é uma das conhecidas praias da capital cearense
 
Mais rotas - e não só com a participação de Fortaleza - podem nascer ainda este ano. Segundo antecipa o secretário, durante a realização da Abav Expo na capital cearense devem ocorrer reuniões entre secretarias nordestinas e o tema será debatido.
 
POLÍTICA PÚBLICA PARA O TURISMO
 
Oriundo da iniciativa privada, o secretário de Fortaleza explica que tem tentado repensar a política pública de Turismo na cidade. As ações lideradas por ele, além de levar em conta exemplos que já deram certo em outras partes do mundo e do Brasil levam em conta uma premissa básica: tornar a cidade agradável para quem mora nela, o que vai facilitar a boa impressão para quem esta de passagem.
 
Quando começamos a gestão uma das primeiras coisas que notamos é que o fortalezense, sempre reconhecido por seu senso de humor, estava desgostoso com a cidade. Aí procuramos, dentro das limitações da pasta, melhorar esse ponto”, lembra. “Cheguei à conclusão de que os habitantes são um vetor dessa promoção turística que tanto buscamos”, completa.
 
Alexandre Pereira, secretário de Turismo de Fortaleza
Alexandre Pereira, secretário de turismo de Fortaleza
 
Um dos mecanismos para esse fim, que é tornar o habitante um agente de promoção, mostrar que a cidade entrega a seus moradores motivos para se orgulhar do destino. “Fizemos muitos eventos para a cidade e um dos casos que deram certo se deu numa de nossas praias. Começamos a promover, todos os domingos, apresentações de piano durante o pôr do sol e o evento virou um point para residentes”, cita. “São ações singelas mas que resgatam esse orgulho”, finaliza.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS