LEBRINHA: Representantes da FEAPAES e Pestalozzi colaboram com sugestões ao PL de deputada

PL visa ampliar o acesso ao transporte escolar

LEBRINHA: Representantes da FEAPAES e Pestalozzi colaboram com sugestões ao PL de deputada

Foto: Assessoria

Os representantes da Federação das Apaes do Estado de Rondônia e Pestalozzi estiveram reunidos no gabinete da deputada estadual Gislaine Lebrinha (União Brasil), para discutir um Projeto de Lei apresentado pela deputada. O PL visa ampliar a oferta de transporte escolar aos alunos que integram instituições que colaboram com o poder público na educação de pessoas com deficiência.
 
Participaram da reunião Janete Alves Araújo, Diretora Geral da Associação Pestalozzi de Porto Velho, Elani da Rocha Lopes e Érica Joselene Sousa Nascimento, ambos membros da equipe de projetos, além do vereador de Alvorada do Oeste, Diego Souza (PODEMOS), responsável por trazer a necessidade do debate ao governo. Os representantes convidados a contribuírem com propostas sobre o projeto foram recepcionados pela equipe técnica legislativa da deputada.
 
Com relação à pauta apresentada pelo vereador Diego, que notou um desafio vivenciado pelos alunos da APAE no município de Alvorada do Oeste, a deputada Lebrinha compreendeu que a legislação deveria abranger não apenas os alunos da APAE, mas de todas as instituições que trabalham em colaboração com o poder público na oferta educacional para pessoas com deficiência.
 
Durante a reunião, os dirigentes enfatizaram que a oferta de assistência muitas vezes não alcança alunos da zona rural devido à falta de transporte. Além disso, enfrentam dificuldades para a manutenção ou aquisição de veículos para essa finalidade devido ao alto custo. Os dirigentes destacaram ainda a importância de uma maior participação do estado nesse sentido, a fim de garantir que todos os alunos tenham acesso à assistência para o desenvolvimento educacional.
 
 
Ampliando o debate
 
É urgente, segundo os dirigentes, a implementação de políticas de conscientização da sociedade sobre as necessidades das pessoas com deficiência intelectual e múltipla, assim como a oferta de assistência adequada e humanizada para o desenvolvimento dessas pessoas e de seus familiares.
Além da questão do transporte escolar, foram discutidas pautas relacionadas ao atendimento de saúde, infraestrutura, educação, terapias especializadas e investimentos pontuais.
 
Diante das demandas apresentadas, a equipe técnica parlamentar está realizando um estudo para verificar as ações e políticas públicas realizadas pelo Estado, a fim de propor melhorias que atendam a essas necessidades, visando garantir o direito e a dignidade das pessoas com deficiência.
Direito ao esquecimento
Como você classifica os serviços da Energisa?
Como você classifica a gestão do prefeito Hildon Chaves em Porto Velho?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS