LIBERDADE DE EXPRESSÃO: Justiça arquiva ação de deputado delegado Camargo contra Rondoniaovivo

O judiciário negou a retirada do ar de texto

LIBERDADE DE EXPRESSÃO: Justiça arquiva ação de deputado delegado Camargo contra Rondoniaovivo

Foto: Divulgação

 

Uma ação judicial do deputado estadual delegado Rodrigo Camargo (Republicanos) contra o Jornal Eletrônico Rondoniaovivo foi arquivada no 4º Juizado Especial Cível nesta terça-feira (25)
 
A ação Nº 7001967-63.2023.8.22.0002 que teve o advogado Bruno Valverde como patrono foi motivada por um texto publicado sobre um vídeo que o parlamentar gravou atacando o senador Confúcio Moura (MDB). Sua ‘indignação’ era fruto de voto de Confúcio na eleição para presidência do Senado Federal.
 
O texto alvo de ação judicial criticou sua ação em fazer vídeo com ataque ‘mimizento’ num assunto que não é da alçada dele, provocando um achincalhamento contra o ex-governador e ex-prefeito do município de Ariquemes. 
 
LIBERDADE DE EXPRESSÃO
 
Após publicação, foi endereçado ao jornal um pedido de DIREITO DE RESPOSTA formulado pelo escritório de Valverde. De pronto, por escrito o Rondoniaovivo concedeu o espaço solicitado. Mas não se sabe o motivo, o ‘direito de resposta’ solicitado por escrito não foi exercido. 
 
Ato continuo o delegado ajuizou ação pedindo em caráter de liminar que o material fosse retirado do ar, além de pedido de indenização em pecúnia.
 
O judiciário negou a retirada do ar de texto, marcando audiência de conciliação.
 
FALTA DE PALAVRA
 
Neste momento a direção do jornal recebeu uma proposta de se reunir com o deputado no escritório do advogado Bruno para ‘resolver’ assunto.
 
Cônscios que a conciliação entre partes é sempre benéfica para todos, houve a referida reunião, onde o deputado alegou que se sentiu constrangido pelo texto. 
 
Com a negação da retirada do ar pela Justiça, acompanhado de outro delegado (chefe de gabinete de Camargo) e seu advogado Bruno, afirmaram que se fosse retirada do ar, também haveria a desistência do processo.
 
 
O Rondoniaovivo cumpriu com o combinado e fez a retirada do conteúdo, além de oficiar o Google para retirada de link. 
 
E mais uma vez, pasmem, o deputado com seu advogado não cumpriram a palavra, não honraram o acordo verbal. Primeiro, não mandaram o direito de resposta e depois não fizeram a desistência da ação, mesmo após retirada do material.
 
Vale ressaltar que o advogado Bruno Valverde foi um dos doadores da campanha do delegado, depositando 25 mil reais para ajudar no pleito de Camargo (veja aqui). Atualmente o advogado Bruno atende juridicamente o deputado através de contrato pago com dinheiro público.
 
AUDIÊNCIA
 
No ultimo dia 11 de abril, de modo remoto houve a audiência de conciliação. O deputado entrou na ‘video chamada’ alegando que estava em missão oficial do legislativo e não poderia participar, pedindo a resignação da data. 
 
Ou seja, claramente se negou a participar da audiência, fato que ensejou que o advogado Juacy Loura, defensor do Rondoniaovivo, representasse pelo arquivamento do processo. A decisão judicial foi proferida e o processo foi arquivado.
 
GAROTO NIKOLAS
 
A direção do Rondoniaovivo, lamenta a postura do deputado e seu advogado. Não é desta forma que se age. Nos 18 anos de atividade já tivemos diversas demandas judiciais. Muitas resultaram em acordos entre partes. Nunca houve este tipo de postura entre os envolvidos.
 
Apesar do parlamentar afirmar sempre que defende a liberdade de imprensa, conseguindo até aprovar uma moção de aplauso para o deputado federal Nikolas Ferreira (PL), pela “liberdade de expressão” do deputado de Minas Gerais usar uma peruca no plenário da Câmara Federal, percebe-se que na pratica, age como o garoto Nikolas, que defende a liberdade de expressão quando é apenas em seu benefício.
 
 
Reafirmamos nosso compromisso com a verdade, com a boa informação e na defesa do estado democrático de direito, em favor de nosso estado e país, ombreando com os que defendem a democracia dos atuais golpistas "patriotas”. 
 
LEIA ABAIXO TEXTO QUE DEPUTADO/DELEGADO PEDIU CENSURA
 
TIKTOKER: Deputado eleito faz ‘caras e bocas’ e pede renúncia do senador de Rondônia
 
E Rondônia já tem seu ‘Gabriel Monteiro’ no parlamento estadual, político estilo tiktok/youtuber que faz cara e bocas na internet para ganhar seguidores e não tem vergonha de espalhar intrigas e fazer a necropolítica. E para alimentar seus seguidores, entra em discussões que não tem a ver com sua atuação.
 
 
Estamos falando do novato deputado estadual eleito Rodrigo Camargo (Republicanos), que postou um vídeo em sua rede social sobre a posição do senador Confúcio Moura em relação a eleição da Mesa Diretora do Senado. Confúcio declarou apoio ao senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG) para presidência do Senado Federal. 
 
 
E bastou para o policial pedir a renúncia do senador, fazendo ‘biquinho e charminho’ em vídeo. Seguidor do falecido Olavo de Carvalho, suposto filosofo, propagador das diretrizes da direita burra e incapaz do Brasil, o delegado Rodrigo parece não ter noção da realidade e conjuntura da política nacional. Sobre seu ídolo, o tal Olavo, existe até uma ‘máxima’, que ele (Olavo) era considerado um imbecil pelos grandes filósofos e um grande filósofo pelos imbecis.
 
 
Se até o maior expoente de seu partido, o oficial do Exército Tarcísio Freitas, eleito governador do grande estado de São Paulo já está trabalhando em favor do seu povo, sentando a mesa para conversar com o governo federal, o parlamentar estadual acredita que seu vídeo vai surgir algum efeito, num assunto que ele não tem nenhuma ingerência. Só serve para mostrar sua ignorância na política, que tem como premissa construir pontes e não levantar muros.
 
 
Como ainda não assumiu seu primeiro mandato, o gaúcho de Bagé não tem nenhuma ação parlamentar concreta em favor do povo de Rondônia. Por enquanto apenas mimimi de internet. Mas parlamentares com este tipo de visão já passaram muitos pelo legislativo estadual, mas sempre com um denominador comum. Sempre ‘deputados de um só mandato’. Vide os que estão de saída com ‘pé no traseiro’ dado pelo eleitor.
 
 
Que nos próximos dias, já com assento no legislativo estadual, o delegado se comprometa em produzir leis que beneficiem o povo de Rondônia, que fiscalize o executivo e deixe de fazer demagogia barata nas redes sociais.
 
 
Confira o vídeo abaixo:
 

Direito ao esquecimento
Como você classifica o mandato do prefeito Moisés Cavalheiro em Itapuã do Oeste?
Como resolver o problema dos animais de rua?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS