NAZIF: Em defesa da saúde brasileira e contra o rol taxativo

A escolha era entre o rol exemplificativo, que é mais amplo e permite a entrada de novos tratamentos ou o taxativo, que é mais restrito, sem possibilidade de mudança até nova atualização da lista

NAZIF: Em defesa da saúde brasileira e contra o rol taxativo

Foto: Divulgação

Na quarta, 08, o Superior Tribunal de Justiça/STJ decidiu que a lista de tratamentos cobertos pelos planos de saúde, o chamado rol da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS, deve ser taxativo. 
 
A escolha era entre o rol exemplificativo, que é mais amplo e permite a entrada de novos tratamentos ou o taxativo, que é mais restrito, sem possibilidade de mudança até nova atualização da lista.
 
Eu fiquei muito triste com essa decisão que vai contra toda a população que tem plano de saúde, e olha que ter plano hoje em dia, é caro e tem reajuste todo ano. Agora o que significa essa decisão? Significa que a população vai deixar de ter acesso a vários tratamentos necessários à sua saúde pelo plano de saúde. É triste e lamentável, e vamos lutar aqui no Congresso e no STF, para derrubar essa decisão do STJ.
 
Direito ao esquecimento

Você acha que os escândalos do Governo Bolsonaro prejudicam a pré-candidatura à reeleição?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS