INTERCÂMBIO: Estudantes de RO podem estudar fora do Brasil e aprender uma nova cultura

O High School do Colégio Sapiens oferece inúmeras vantagens tanto para quem quer fazer faculdade fora do Brasil quanto para quem quer permanecer aqui

INTERCÂMBIO: Estudantes de RO podem estudar fora do Brasil e aprender uma nova cultura

Foto: Divulgação

 

Já pensou que o seu filho pode viver a experiência de um intercâmbio e do ensino médio estadunidense, mas sem ter que sair de perto de você? Com todas as oportunidades que estudar em outro país oferece, ainda terminar o ensino médio com um diferencial profissional, acadêmico e um currículo que dá mais competitividade no mercado de trabalho. 
 
O High School do Colégio Sapiens oferece inúmeras vantagens tanto para quem quer fazer faculdade fora do Brasil quanto para quem quer permanecer aqui. O programa vai muito além do aprendizado da língua inglesa, é uma imersão na cultura americana. 
 
O programa internacional não exclui a conclusão do ensino médio brasileiro, mas o complementa, ou seja, os estudos de ambos são feitos simultaneamente. As matérias brasileiras são validadas pela universidade parceira, a Texas Tech University Independent School District, e no contraturno os alunos estudam as disciplinas internacionais, como: Literatura, Redação, Discurso, Política, Economia e História Americana. 
Assim, os estudantes finalizam o ensino médio certificados para buscar oportunidades por todo o mundo.
 
O diploma do High School abre portas para uma carreira internacional, não apenas nas universidades dos Estados Unidos, mas também em diversas instituições de ensino superior de outros países, que possuem convênios com o governo norte americano. 
 
Portanto, o objetivo do programa de High School do Colégio Sapiens é preparar os alunos para que tenham sucesso acadêmico e/ou profissional não só no Brasil, mas em qualquer país que escolherem viver. Bem como garantir um currículo de destaque no mercado de trabalho.
 
Para ingressar no programa de High School do Colégio Sapiens o aluno precisa estar no 9° ano do ensino fundamental ou na primeira série do ensino médio, ser fluente em inglês e passar na prova de admissão. O primeiro simulado será feito no mês de setembro, com o resultado, os alunos que alcançarem nota serão convidados para fazer o exame de admissão em outubro. 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Mateus Coelho Alves

Fortbras Autopeças

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS