SEM MUDANÇA: Mesmo com morte de irmãos, ponte do Rio Preto continua precária

Desespero fez moradores colocarem fogo na construção; segundo eles, prefeito até hoje não foi ao local

Passadas mais de três semanas da morte dos irmãos Luiz Davi, de apenas 02 anos de idade, e Beatriz Oliveira, 16, após caírem da ponte do Rio Preto na noite do dia 31 de maio, na zona rural de Candeias do Jamari, nada mudou.

 

Segundo um morador da região que divulgou um vídeo no Facebook, a construção continua em situação precária, piorada após um incêndio feito pelas famílias para chamar a atenção das autoridades.

 

Tábuas soltas colocam em risco a segurança de motoristas e motociclistas que usam a ponte do Rio Preto - Foto: Reprodução de Vídeo

 

Ainda de acordo com eles, o prefeito Valteir Queiroz (Patriota) até hoje não foi até o local para conversar com ninguém. Mesmo que os buracos, madeiras podres e tábuas soltas possam ter contribuído para a morte do bebê e da adolescente.

 

Beatriz Oliveira, de 16 anos, perdeu a vida junto com irmão Luiz Davi, de apenas 02 aninhos, após caírem da ponte - Foto: Arquivo Pessoal

 

“Vinte e um dias depois da tragédia, olha como tá a ponte ainda. Queimada, sem nenhuma proteção. Olha as pranchas, olha o meio dessa ponte. Tá balangando tudo. O prefeito não fez nem questão de vir aqui. Não está nem preocupado com a população do Flor do Amazonas”, disse o homem, que não revelou o nome.

 

E segue: “As pranchas estão todas soltas. Fala se isso é uma ponte. Vinte e um dias se passou (sic) e está tudo do mesmo jeito”.

 

Duas pequenas ripas cobrem um dos buracos na ponte do Rio Preto - Foto: Reprodução de Vídeo

 

Quieto

 

A única manifestação da Prefeitura de Candeias do Jamari e do prefeito Valteir Queiroz foi no dia seguinte às mortes dos irmãos Luiz Davi e Beatriz, 01 de junho, por meio de uma nota de pesar, onde ele lamentou a tragédia e o uso político do fato para criticar a administração.

 

Quase um mês depois da fatalidade, nem Valteir nem outro representante do Executivo municipal se pronunciou sobre o assunto. Nem mesmo nas redes sociais oficiais.

 

Caso queiram divulgar algo, o espaço está garantido e a atualização deste texto será feita quando isso ocorrer.

 

Direito ao esquecimento

O senador Marcos Rogério defendeu o pastor Milton Ribeiro, preso pela Polícia Federal. Qual a sua opinião?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS