BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

EM PLENA PANDEMIA: Vereador denuncia falta de médico em hospital de Guajará; prefeita nega

O Hospital Regional de Guajará-Mirim é de competência da prefeita da cidade, Raissa Bento, que está a menos de dois meses no mandato

Rondoniaovivo - João Paulo Prudêncio

23 de Fevereiro de 2021 às 16:54

Atualizada em : 24 de Fevereiro de 2021 às 07:57

O Hospital Regional do Perpetuo Socorro do município de Guajará-Mirim (RO) amanheceu sem médico para atender a população nesta terça-feira (23). 
 
A denúncia foi realizada pelo vereador Rivan Erguez, que foi até o local e registrou um vídeo mostrando o que ele considera um “total descaso com o município”. 
 
Foco da pandemia
 
Com uma população estimada em 46.556 habitantes, a cidade de Guajará-Mirim fica localizada á aproximadamente 328 quilômetros da capital, Porto Velho (RO) e faz fronteira fluvial com a Bolívia. 
 
A cidade está entre as localidades com maiores incidências de mortes e infecções por COVID-19. 
A escassez de profissionais de Saúde e as condições estruturais precárias potencializam ainda mais o risco do avanço de agravamento da pandemia na região. 
 
A responsabilidade
 
O Hospital Regional de Guajará-Mirim é de competência da prefeita da cidade, Raissa Bento, que está a menos de dois meses no mandato. 
 
De acordo com o vereador Rivan Erguez, a inércia da prefeita em tomar ações efetivas para solucionar problemas como esse faz com que o sofrimento da população se arraste.
 
“Faço o apelo para a prefeita Raissa Bento que tome uma postura, porque desse jeito não dá mais. Estamos com dois meses de administração e nada da população de Guajará-Mirim ver uma atitude por parte dos gestores”, afirmou Rivan Erguez. 
 
O outro lado
 
À reportagem do Rondoniaovivo, a prefeita de Guajará-Mirim, Raissa Bento, afirmou desconhecer que em algum momento desta terça-feira (23) o Hospital Regional ficou sem médico. 
 
Ela ainda garantiu que o vereador em nenhum momento a procurou para deliberar sobre ações de melhorias na Saúde da cidade ou oficializou qualquer denuncia. 
 
“Se existe alguém preocupado com a situação da Saúde de Guajará é a prefeitura, porém existe uma falta de médico em todo o Estado, o vereador não me encaminhou qualquer ofício, não me informo por redes sociais e não tive nenhuma informação de que o Hospital Regional esteja sem médico”, disse Raissa Bento.
 
De acordo com o último relatório do Governo do Estado até o momento 4.663 pessoas foram infectadas e 138 morreram em Guajará-Mirim por conta do Coronavírus.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS