BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Prefeitura interdita restaurante de Jacquin por descumprir horário

Restaurante Président funcionou além das 22h, horário limite, no último final de semana e agora terá de pagar multa mínima de R$ 9.231,65

R7

14 de Agosto de 2020 às 08:40

Foto: Divulgação

A prefeitura de São Paulo interditou e multou o restaurante Président, na zona central da cidade, depois da fiscalização flagrar o restaurante operando após às 22h no último final de semana, o que é proibido por conta da pandemia do novo coronavírus. O estabelecimento pertence ao chef e apresentador Erick Jacquin. 
 
O restaurante terá que pagar multa mínima de R$ 9.231,65, multiplicada a cada 250m². Na região, outros três estabelecimentos também foram lacrados. Os estabelecimentos terão solicitar a desinterdições nas subprefeituras.
 
A partir do dia 8, a capital permitiu a operação de restaurantes e bares no período da noite, até as 22h. Porém, os estabelecimentos ainda têm que operar pelo período restrito de 6h. Desde o início da quarentena, os agentes têm trabalhado na fiscalização. De acordo com a prefeitura,  965 estabelecimentos já foram interditados por descumprirem as regras da reabertura econômica em São Paulo.
 
O R7 procurou o restaurante Président e assessoria do chef, mas não obteve resposta até a publicação desta matéria.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS