BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

INJÚRIA: Vendedora diz ter sido agredida por dona de casa

A vítima alegou que foi agredida com socos e ofendida verbalmente no meio da rua

Da Redação

01 de Dezembro de 2017 às 09:53

Foto: Divulgação

Uma vendedora de 41 anos alega ter sido injuriada por meio de ofensas verbais e agredida fisicamente, na tarde de quinta-feira (30), por uma dona de casa de 37 anos. O suposto fato correu na rua Belmiro Araújo, no centro da cidade de Teixeirópolis.

A vítima explicou que transitava pela rua Belmiro de Araújo, quando a dona de casa a abordou e passou a ofendê-la verbalmente com palavras de baixo calão. Além das injúrias, a agrediu com socos. Disse que durante as agressões teve seu guarda-chuva quebrado por tê-lo utilizado para tentar se defender.

Os policiais militares relataram que, durante a condução da suposta agressora até o quartel da Polícia Militar para a confecção do boletim de ocorrência, a agressora, em tom de ameaça, teria dito que aquilo não iria ficar daquele jeito, e que a vítima iria pagar caro por tê-la denunciado.

A vendedora disse aos militares que já teve um desentendimento com a dona de casa, em razão de ela ter vendido uns tapetes à mulher e não ter recebido por eles. Alegou também que sofreu outras agressões verbais por parte da suposta agressora.

A polícia informou que, durante a confecção do boletim de ocorrência, a dona de casa continuou tentando intimidar a vítima, dizendo que aquilo não iria ficar de graça.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS