ESPAÇO ABERTO: Ex-governador faz demonstração bizarra que seria cura para Covid-19

Confira a coluna de Cícero Moura

ESPAÇO ABERTO: Ex-governador faz demonstração bizarra que seria cura para Covid-19

Foto: Divulgação

ESTUPIDEZ
 
O ex-governador Ivo Cassol divulgou em redes sociais uma demonstração absurda do que, segundo ele, poderia ajudar a curar uma pessoa infectada com coronavírus.
 
NEGLIGÊNCIA
 
Ao lado de um jovem que ele diz ter testado positivo para Covid-19, Cassol afirma que também pode estar contaminado e que faria um procedimento com faísca, solda e fumaça que poderia matar o vírus.
 
 
EXEMPLO
 
O ex-governador argumentou que um rapaz no Vale do Guaporé, Sul do Estado, e outras pessoas teriam “se curado” do coronavírus usando fumaça de solda. Ele teria assistido o vídeo do “tratamento” e resolveu tirar a prova.
 
INCONSEQUENTE
 
É Inadmissível um homem público como Cassol, que tem inúmero seguidores e admiradores, se prestar a um desserviço como esse. Não há nem o que dizer sobre tamanha insanidade.
 
PERIGO
 
O próprio ex-governador e o rapaz ao seu lado, se realmente contaminados, correm sério risco de danos maiores ao próprio organismo, dado o perigo da toxidade da fumaça ocasionada pela solda.
 
SAÚDE  
 
Nem precisa ser médico para saber que qualquer fumaça tóxica prejudica os pulmões, estando ou não os órgãos contaminados.
 
IRRIGAÇÃO
 
Os pulmões possuem uma rede de vasos sanguíneos muito extensa, para permitir que o sangue circule e entre em contato com o ar. Quando isso ocorre, o oxigênio do ar passa para o sangue e, por meio deste, é enviado aos tecidos do corpo, que dependem de oxigênio para continuar funcionando.
 
ALERTA
 
Diante de ato tão absurdo, só nos resta torcer para que ninguém se aventure a uma bobagem dessas que pode colocar em risco à vida da pessoa, e nem precisa estar contaminado com coronavírus.
 
NOMEAÇÃO
 
Está circulando em redes sociais, documento que seria de nomeação da ex-candidata a prefeita de Porto Velho, Cristiane Lopes, como assessora parlamentar do deputado Léo Moraes. O documento tem data de 17 de março.
 
NA TV
 
Cristiane Lopes atualmente é apresentadora do programa Cidade Alerta, da Sic TV, retransmissora da Tv Record, em Porto Velho. A denúncia que está sendo compartilhada é de que Cristiane seria funcionária fantasma.
 
OUTRO LADO
 
O deputado Léo Moraes disse que as publicações são mentirosas. Ele afirma  que Cristiane não tomou posse, como então poderia ser funcionária fantasma.
 
DIREITOS
 
O deputado informou que vai acionar judicialmente os responsáveis pelas publicações. Citou que não é a primeira vez que estariam publicando caraminholas para atingir sua integridade. 
 
OPINIÃO
 
Jornalista tem carga horária de 5 horas, portanto não há absolutamente nada de ilegal em um profissional de comunicação ter dois empregos. Conseguindo conciliar os horários, não há nenhuma ilegalidade.
 
OPINIÃO 2
 
Importante destacar também, que não existe ato de posse para funcionário em comissão como justificou Léo Moraes. O sujeito quando é nomeado tem que simplesmente começar a trabalhar.
 
BOA NOTÍCIA
 
Porto Velho ultrapassou a meta de vacinação de idosos acima de 80 anos. A meta estabelecida inicialmente pelo Ministério da Saúde era de 3.700 pessoas nesta faixa etária. O Município imunizou, até o momento, 4.086 idosos acima de 80 anos, o que representa 10% a mais do que estava previsto.
 
REFERÊNCIA
 
Segundo a gerente de imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Elizete Gomes, a meta estipulada pelo governo federal levou em conta o número de idosos imunizados na campanha de vacinação contra a gripe no ano passado.
 
ORGANIZAÇÃO
 
A prefeitura justifica o bom resultado ao trabalho das equipes de saúde que vem se esforçando na divulgação do calendário de imunização com agendamento e forças-tarefa para a aplicação das doses.
 
PLANO
 
No início, a estratégia do Município foi distribuir a vacinação em escolas de diferentes pontos da cidade. A ideia era fazer as doses chegarem o mais perto possível desse público, evitando grandes deslocamentos e aglomerações.
 
CONCENTRAÇÃO
 
Na sequência, o município optou por concentrar as aplicações no campus de uma faculdade, na região central da cidade, para atender a todo o público. No local, a Semusa montou, inclusive, um esquema para atender idosos com dificuldades de locomoção, permitindo que sejam imunizados sem sair dos veículos.
 
PRÓXIMO PASSO
 
Com a meta ultrapassada, a gestão municipal agora amplia a vacinação para outras faixas etárias, ao mesmo tempo em que mantém a vacinação para idosos a partir de 80 anos. Ontem, começou a vacinação de idosos acima de 75 anos.
 
PELA INTERNET
 
O agendamento continua disponível na página Imuniza (https://imuniza.portovelho.ro.gov.br/agendamentovacina), para idosos acima de 75 anos. O local de vacinação é o Centro Universitário São Lucas – Campus II, Rua João Goulart, 666, Bairro Mato Grosso, das 9h às 17h, entre os dias 23 e 26 de março.
 
DOCUMENTAÇÃO
 
Os idosos cadastrados devem ir munidos com documento de identificação, comprovante de residência e cartão do SUS.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS