BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

VESTIBULAR: Católica oferta mais de 150 bolsas de estudo para cursos de Direito e Psicologia

Vestibular geral ocorre em 21 de novembro, às 15h e os cursos duram cinco anos

ASSESSORIA

13 de Novembro de 2020 às 14:51

Foto: Divulgação

 

A Faculdade Católica de Rondônia (FCR) segue com as inscrições abertas para o Vestibular 2021/1 que seleciona novos alunos para os cursos de Direito e Psicologia.  A prova (Redação) do Processo Seletivo será no dia 21 de novembro, às 15 horas, na modalidade online. Os aprovados poderão solicitar Bolsas de Estudos em duas modalidades (Permanência e AASCAM).

 

De acordo com o Diretor Acadêmico, Prof. Pedro Abib, apesar do enfrentamento a pandemia (Covid-19), o momento é pensar de forma estratégica no futuro.

 

“Estamos trabalhando com um momento de escolha. É hora de investir na formação universitária visando ser um profissional altamente qualificado para atender as novas necessidades do mercado de trabalho. Estamos aqui, somos referência quando se fala em Ensino Superior. Somos uma escolha certa”, disse.

 

A FCR trabalha com um viés de incentivo e suporte àqueles que possuem mais dificuldade de cumprir o pagamento das mensalidades. Por esta razão, oferta 165 Bolsas de Estudos para os seus cursos que vão de 10% a 60% de desconto. Para ter acesso, o novo aluno deverá se matricular e, posteriormente, solicitar a Bolsa junto ao Setor de Serviço Social.

 

REGRAS

 

O Edital 006/2020 exclusivo para os ingressantes no primeiro semestre de 2021 é o documento preparado pela gestão institucional e, que, institui as regras gerais para a concessão, renovação, requisitos e validade de todas as Bolsas Estudantis da FCR.

 

DETALHAMENTO DAS BOLSAS

A Bolsa Permanência, é uma modalidade que visa promover a inclusão social e fixar o acadêmico na Faculdade Católica de Rondônia, para que lhe seja possibilitado a conclusão do curso e ingresso no mercado de trabalho.

A Bolsa AASCAM - voltada para pessoas que demonstrem hipossuficiência - tem uma metodologia sustentável, nesse sentido, após cumprir um período de carência ao concluir o curso para sua inserção no mercado de trabalho, o beneficiário deverá contribuir com o mesmo percentual concedido para subsidiar um futuro Bolsista.

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS