BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

VALOR REDUZIDO: Prorrogação do auxílio emergencial deve ser anunciada nesta sexta

Parcelas futuras serão pagas com valor reduzido de R$ 300 até dezembro

EM.COM.BR

28 de Agosto de 2020 às 08:55

Atualizada em : 28 de Agosto de 2020 às 17:34

Foto: Divulgação

 

EM.COM.BR - O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deve anunciar, nesta sexta-feira (28), a prorrogação do novo auxílio emergencial até dezembro. As futuras parcelas terão valor de R$ 300, metade da quantia paga atualmente. Os pagamentos serão realizados em setembro, outubro, novembro e dezembro.
 
Segundo o vice-líder do governo, senador Chico Rodrigues (DEM-RR), os detalhes da prorrogação já foram enviados para apreciação do Congresso e devem ser formalizados por meio de Medida Provisária (MP). 
 
O auxílio custa, mensalmente, R$ 50 bilhões aos cofres públicos, valor que é considerado insustentável pelo governo no longo prazo. O ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu que a ajuda fosse reduzida a R$ 200, enquanto parlamentares tentaram manter os pagamentos de R$ 600. Da disputa, saiu o meio-termo de R$ 300. 
 
O auxílio emergencial foi criado em abril por meio da Lei 13.982, de iniciativa do Congresso, com o objetivo de ajudar os trabalhadores informais de baixa renda a enfrentar a crise do novo coronavírus. 
 
De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 30 milhões de famílias receberam a última parcela do benefício em julho. O grupo equivale a 44% dos domicílios do país.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS