PRODUTORES: Conab tem mais R$ 5 milhões para pagar subvenções a extrativistas

Medida nesse sentido foi publicada nesta quinta-feira, 31, no Diário Oficial da União (DOU), ampliando o teto orçamentário da PGPM-Bio para R$ 30 milhões

PRODUTORES: Conab tem mais R$ 5 milhões para pagar subvenções a extrativistas

Foto: Divulgação

A Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio) vai receber mais R$ 5 milhões para pagamento de subvenções aos produtores. Os recursos vão permitir que a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) atenda 2.258 famílias que protocolaram pedidos de subvenção, informa a estatal em comunicado.
 
Medida nesse sentido foi publicada nesta quinta-feira, 31, no Diário Oficial da União (DOU), ampliando o teto orçamentário da PGPM-Bio para R$ 30 milhões.
 
A Portaria Interministerial número 8, de 30 dezembro de 2020, é assinada pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e pelo ministro substituto da Economia, Marcelo dos Guaranys.
 
Até o último dia 18 de dezembro, a Companhia havia liberado cerca de R$ 24,9 milhões para 10.870 produtores. O recurso custeou 34,37 mil toneladas de produtos extrativistas, um recorde para a política, em 127 municípios de 14 Estados, segundo a Conab. Neste ano, os produtos mais apoiados pela PGPM-Bio, considerando o valor pago, foram babaçu, pequi, pinhão e açaí.
 
A PGPM-Bio oferece uma subvenção quando é comprovada a venda no mercado por um valor inferior ao preço mínimo estipulado pelo governo federal. São contemplados 17 produtos da sociobiodiversidade brasileira.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS