ROUBO EM JOALHERIA: Acadêmica de direito e apenados são os presos que trocaram tiros com a PM

Foi verificado que o carro estava com as placas sujas de lama de forma proposital e um dos números adulterados com fita isolante

RONDONIAOVIVO

26 de Dezembro de 2019 às 16:38

Foto: Divulgação


Os apenados Deive Nascimento da Silva e Bruno Cardoso Santos, na companhia da acadêmica de direito Vanessa V. N., são os três presos após um roubo ocorrido na tarde desta quinta-feira (26) em uma joalheria na Avenida Campos Sales com Rua Paulo Leal, na região Central de Porto Velho (RO).

 

 

 

 

O trio portava uma pistola 380 e um revólver calibre 38 e trocou tiros com a Polícia Militar. De acordo com as informações apuradas pelo Rondoniaovivo, o trio roubou a quantia de R$ 4.950,0 e várias joias. 

 

Na fuga em um carro modelo City, que era dirigido pela acadêmica, os criminosos se depararam com uma equipe da PM que foi avisada do crime por populares.

 

Houve uma intensa troca de tiros e o carro que os bandidos fugiam foi atingido nos vidros traseiros, latarias e pneus. O trio foi preso na Rua Bolívia, próximo da Rua Brasília, no bairro Nossa Senhora das Graças.

 

 

 

 

 

Foi verificado que o carro estava com as placas sujas de lama de forma proposital e um dos números adulterados com fita isolante. Através de pesquisas, os policiais constataram que Deive é apenado, mas estava com o benefício do Indulto Natalino e teria que retornar amanhã (27) para a Colônia Penal.

 

Já Bruno era monitorado por tornozeleira, porém havia rompido o equipamento. Os três presos foram levados para a Central de Flagrantes.

 

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS