TURISMO: Ministério apoiará a realização de lives sobre inovações no setor

Transmissões serão realizadas pela startup Smart Tour Brasil a partir do mês de março no perfil oficial da empresa no Instagram

TURISMO: Ministério apoiará a realização de lives sobre inovações no setor

Foto: Divulgação

Estimular a inovação no país é fundamental para impulsionar a recuperação e o desenvolvimento do setor de Turismo no país, sobretudo, no cenário pós-pandemia. Neste contexto, com apoio dos ministérios do Turismo e da Ciência, Tecnologia e Inovações e da Câmara do Turismo 4.0, a Smart Tour Brasil – startup que atua na área de tecnologia – promoverá, a partir do próximo mês, uma série de lives semanais que buscam dar visibilidade às iniciativas já existentes no país e inspirar novas ações de transformação do setor.
 
“A pandemia de Covid-19 impactou de forma consistente o setor de Turismo e exigiu que o setor se readaptasse, se reinventasse. Para garantir a retomada das nossas atividades, de forma segura e responsável, com a oferta de experiências ainda melhores aos nossos visitantes, o Ministério do Turismo tem buscado, dia após dia, soluções inovadoras para turistas, empresários e para destinos turísticos”, destacou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.
 
Empreendedores, profissionais e gestores do setor de todo o país que queiram apresentar e divulgar iniciativas podem se inscrever AQUI e participar das transmissões. As inscrições podem ser feitas até o dia 28 de fevereiro. A ideia é que estas ações ganhem projeção nacional e reforcem a importância de inovações tecnológicas no setor de Turismo. As transmissões serão feitas no perfil do Instagram da startup.
 
A CEO da Smart Tour Brasil, Jucelha Carvalho, explica que as transmissões serão focadas em reconhecer e valorizar a criatividade e inovação em todas as esferas de governo, acadêmicas, startups e empresas. “Vamos promover um bate-papo com os responsáveis por essas iniciativas selecionadas, que apresentarão seus projetos, desafios e benefícios de sua implementação. Nossa expectativa é que participem também nomes referências do turismo brasileiro para agregar diferentes visões sobre os projetos”, complementou.
 
OUTRAS AÇÕES – Com foco na inovação, o Ministério do Turismo lançou em 2021 o projeto-piloto Destinos Turísticos Inteligentes (DTIs), que busca tornar cidades em destinos mais competitivos, inovadores, sustentáveis, acessíveis e seguros. Dez cidades brasileiras participam da iniciativa: Recife/PE e Salvador/BA (Nordeste); Rio de Janeiro/RJ e Angra dos Reis/RJ (Sudeste); Florianópolis/SC e Curitiba/PR (Sul); Campo Grande/MS e Brasília/DF (Centro-Oeste); Rio Branco/AC e Palmas/TO (Norte).
 
A iniciativa é fruto de um acordo de cooperação técnica entre os ministérios do Turismo e da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). Este acordo tornou possível ainda a formação da Câmara de Turismo 4.0, fórum que se reúne periodicamente para discutir e auxiliar na implementação de políticas públicas para o desenvolvimento de ações que buscam fornecer soluções tecnológicas e a transformação de cidades em destinos turísticos inteligentes.
 
Como resultado destes trabalhos, foi aberta ainda uma consulta pública para definir a Estratégia Nacional de Inovação em Turismo, que norteará ações entre governo, academia e sociedade civil.
 
Ainda no campo da inovação, cabe registrar a realização do Desafio Turistech Brasil, que integra uma colaboração entre o Ministério do Turismo e o Wakalua Innovation Hub - primeiro polo global de inovação em turismo -, em colaboração com a Organização Mundial do Turismo (OMT). Já em sua segunda edição, o desafio buscou estimular a inovação em turismo no Brasil e melhorar a competitividade do setor por meio da transformação digital de organizações públicas e privadas da área.
 
SMART TOUR - É uma startup de tecnologia de ponta voltada para a gestão pública do turismo, com soluções inovadoras. Em 2019, as iniciativas da Smart Tour na categoria ‘Tecnologia e Turismo’ fizeram da empresa uma das vencedoras da 2ª edição do Prêmio Nacional do Turismo, organizado pelo Ministério do Turismo em parceria com o Conselho Nacional de Turismo (CNT).
 
Já em 2020, a empresa catarinense foi uma das finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo, promovido pelo Ministério do Turismo e o Wakalua, que reconheceu soluções voltadas à retomada do setor. E, no ano passado, foi escolhida para representar startups de turismo na Câmara de Turismo 4.0.
Direito ao esquecimento

Em qual desses quatro pré-candidatos você votaria se as eleições fossem hoje?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS