BARRADOS: Portugal suspende voos para o Brasil a partir desta sexta (29)

Além disso, eles também precisarão cumprir uma quarentena de 14 dias quando desembarcarem em Portugal

BARRADOS: Portugal suspende voos para o Brasil a partir desta sexta (29)

Foto: Divulgação

 

Portugal suspendeu, nesta quarta-feira (27/1), os voos entre o país e o Brasil. A medida é válida entre 29 de janeiro e 14 de fevereiro. Segundo o Ministério do Interior português, a piora da pandemia no mundo e a detecção de novas variantes do coronavírus foram determinantes para a decisão.

 

Portugal faz a ponte de Minas Gerais para a Europa por meio dos voos da TAP, com partida dos Aeroporto internacional de Confins. Também há voos saindo de São Paulo e Rio de Janeiro. 

 

Com a suspensão, apenas voos de repatriação e humanitários serão permitidos. Porém, mesmo nesses casos, os viajantes vão precisar exibir um resultado negativo de teste de COVID-19, feito 72 horas antes do embarque. Além disso, eles também precisarão cumprir uma quarentena de 14 dias quando desembarcarem em Portugal.

 
O Ministério do Interior afirma que nos voos de caráter humanitário podem embarcar cidadãos da União Europeia e do Espaço Schengen (grupo de 26 países europeus, sendo que alguns não fazem parte da União Europeia), desde que sigam os mesmos protocolos para ingressar no país.
 
 
As regras estabelecidas para o Brasil são as mesmas que já vigoram para voos entre Portugal e o Reino Unido.
 
 
Pandemia em Portugal
 
 
Desde o início da pandemia, o país que tem cerca de 10 milhões de habitantes, registrou 669 mil casos positivos de COVID-10. Desses, quase 173 mil estão ativos.
 
 
Os hospitais têm mais de 6,6 mil pessoas internadas, sendo 783 em unidades de terapia intensiva. O Parlamento português deve votar uma prorrogação de 15 dias do estado de emergência, prolongando todas as medidas de confinamento. 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS