BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

EM JI-PARANÁ: Laerte Gomes indica ao Governo a contratação do Hospital Cândido Rondon

Parlamentar destaca que rede pública de saúde já pedia por socorro, mas piorou com a pandemia da Covid-19

ASSESSORIA

21 de Maio de 2020 às 08:33

Foto: Divulgação

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) indicou ao Governo que, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), em regime de urgência, agilo de as medidas administrativas e operacionais necessárias para a contraração do Hospital Cândido Rondon (HCR),  localizado em Ji-Paraná.
 
A propositura do parlamentar visa a contratação de 40 leitos clínicos, 10 leitos de UTI, serviços de exames clínicos, insumos, além da disponibilização de profissionais junto ao HCR.
 
"A ideia é atendermos a expressiva demanda de pacientes na região central de Rondônia e, com isso, revertermos o preocupante índice de letalidade de pacientes que vem ocorrendo", explicou o presidente.
 
Segundo Laerte Gomes, a rede pública de saúde já vem, por vários anos, enfrentando inúmeros problemas, principalmente quanto à lotação de pacientes. "Um cenário que já era complicado ficou ainda mais grave por conta da pandemia causada pelo novo Coronavírus, afinal, isso implica em cuidados especiais no que se refere à internação de pacientes", enfatizou deputado.
 
Para o presidente, é público e notório que a capacidade de leitos nas unidades hospitalares da rede pública já está chegando ao seu limite de atendimento.  "E a situação é ainda mais grave no interior do estado", alertou ele.
 
Com isso, o presidente Laerte Gomes reforça a necessidade de uma urgente tomada de decisões por parte da Sesau."Nossa intenção é preservar vidas, e o HCR será um importante suporte de apoio no acolhimento de pacientes", resumiu o parlamentar.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS