ORGULHO DO MADEIRA: Bandido que fez refém em casa comandou ataque a caminhão da Emdur

Quando preso, no ano de 2019, Lucas que seria integrante de um grupo criminoso chorou durante entrevista e se dizia arrependido

ORGULHO DO MADEIRA: Bandido que fez refém em casa comandou ataque a caminhão da Emdur

Foto: Divulgação

Acusado da prática do crime de assalto com refém, o bandido identificado como Lucas E. S. C., 24, vulgo "Banana", já tinha sido preso acusado de comandar um ataque com incêndio a um caminhão da Emdur no condomínio Orgulho do Madeira na noite do dia 11 de outubro de 2019.

 

Em liberdade, o bandido promoveu momentos de pânico e tensão na manhã desta quinta-feira (23) no residencial Sevilha, localizado na BR-364, na capital rondoniense.

 

O criminoso fez um trabalhador refém com arma na cabeça após ser surpreendido por policiais civis da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Contra o Patrimônio, sob o comando do delegado Daniel Braga.

 

Foi necessário muito diálogo e a presença da imprensa durante as negociações para o criminoso se render e libertar o pedreiro que era feito refém na casa. Um taxista de 52 anos também foi preso acusado de dar apoio. Um terceiro ladrão fugiu.

 

Quando preso, no ano de 2019, Lucas que seria integrante de um grupo criminoso chorou durante entrevista e se dizia arrependido.

 

O bandido, segundo a polícia, é acusado de vários roubos a residências na capital

 

Relembre o crime no Orgulho do Madeira

 

O veículo oficial da prefeitura foi destruído por um incêndio chefiado por Lucas, que ainda efetuou um disparo para amedrontar os funcionários da Emdur e moradores do condomínio.

 

O ataque aconteceu por ordem de apenados de dentro dos presídios da capital, Milton Soares de Carvalho - 470 e Jorge Thiago Aguiar Afonso - 603.

 

Lucas foi preso em um apartamento no próprio condomínio Orgulho do Madeira. Em "prantos", Lucas confessou o crime e disse que está arrependido.

 

Em seguida ele afirma que ama muito os filhos e manda um abraço para a ex-mulher. Outros sete envolvidos no crime estão sendo procurados. 

Direito ao esquecimento

Você acha que os escândalos do Governo Bolsonaro prejudicam a pré-candidatura à reeleição?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS