BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

COLETIVA AO VIVO: Delegacia de Patrimônio prende quadrilha que fazia arrastão em lojas

Confira ao vivo

Rondoniaovivo

19 de Agosto de 2020 às 10:57

Atualizada em : 19 de Agosto de 2020 às 11:12

 

Os delegados Marcelo Resem, José Marcos (ambos da Delegacia de Patrimônio) e Paulo Kakionis (diretor do Departamento de Polícia Especializada - DPE) passaram mais detalhes da Operação Pilhagem realizada nesta manhã de quarta-feira (19) pela Polícia Civil para prender uma quadrilha que atuava em furtos mediante arrombamentos em lojas de Porto Velho (RO).
 
 
 
 
 
 
         Relembre
 
 
 
A Delegacia Especializada em Repressão a Extorsões, Roubos e Furtos - DERF (Patrimônio), com o apoio de outras unidades policiais e dos Departamentos da Polícia Civil deflagrou, na manhã desta quarta-feira (19), a operação denominada “Pilhagem”. 
 
Aproximadamente 100 policiais cumpriram 35 (trinta e cinco) mandados de Prisão Preventiva e 19 (dezenove) mandados de Busca e Apreensão Domiciliar na capital rondoniense.
 
A Operação tem como objetivo desarticular uma Organização Criminosa especializada em praticar furtos, mediante arrombamento a estabelecimentos comerciais. Após meses de investigações, os agentes da DERF identificaram todos os membros da Organização Criminosa, os quais eram liderados pelo nacional J. C. S. F., e apuraram que eles praticaram diversos furtos a estabelecimentos comerciais nos 03 (três) meses que durou a investigação, gerando um prejuízo de aproximadamente R$500.000,00 (quinhentos mil reais) ao comércio. 
 
O delegado Marcelo Resem presidiu as investigações e esclareceu que há possibilidade da quadrilha ter praticado mais furtos, ainda não contabilizados. 
 
Haja vista que os acusados  são reincidentes na prática de crimes contra o patrimônio, chegando ao disparate de cometerem quatro furtos durante a mesma noite, ressaltando ainda, que caso haja vítimas que reconheçam os suspeitos em outras infrações penais, estas devem procurar imediatamente a DERF.
 
  A expressão “Pilhagem” significa o furto ou roubo indiscriminado de bens alheios como parte de uma vitória política ou militar, ou no decorrer de uma catástrofe ou tumulto, como numa guerra ou num desastre natural e justamente em razão do período de Pandemia (Covid-19) é que os infratores aproveitaram para praticar diversos furtos contra  estabelecimentos comerciais da capital.

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS