GOLPE: Empresário tem conta bancária invadida e perde mais de R$ 19 mil

Após desfalque, Ronaldo soube que seu perfil estava sendo usado para pedir dinheiro

GOLPE: Empresário tem conta bancária invadida e perde mais de R$ 19 mil

Foto: ILUSTRATIVA

Por telefone, o ex-vereador e hoje empresário Ronaldo Alevato confirmou que uma das contas bancárias de sua empresa foram invadidas por estelionatários, que deixaram um prejuízo de mais de R$ 19 mil.
 
Segundo Alevato, que até pouco tempo atrás também era secretário municipal de Educação e atualmente se dedica à sua loja de materiais de pesca, os golpistas pagaram várias contas, incluindo débitos da Sefaz e do Detran de Pernambuco. Todas as operações de pagamento (não houve saques ou transferências) aconteceram no mesmo dia.
 
Ao ser informado pelo filho sobre o desfalque, Ronaldo foi à agência do Banco do Brasil e relatou o crime. A instituição financeira, que já estava fechada, pediu que ele retornasse amanhã, para apresentar um relatório detalhado sobre o que aconteceu.
 
Após registrar queixa também na Polícia Civil, o ex-vereador percebeu que outros golpistas estavam usando sua foto num novo número de celular (com prefixo de Rondônia) para pedir dinheiro emprestado através do WhatsApp. Ele já alertou amigos e clientes para evitar que eles façam depósitos.
 
A luta do comerciante agora vai ser para que o banco faça o ressarcimento do valor que ele perdeu, uma vez que a invasão eletrônica aconteceu porque a segurança virtual do BB não deteve os golpistas.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS