FURIOSO: Empresário é detido pela polícia após provocar pânico e correria disparando tiros

Testemunhas dizem que, “por sorte”, ninguém foi baleado

FURIOSO: Empresário é detido pela polícia após provocar pânico e correria disparando tiros

Foto: ILUSTRATIVA

 

Um tiroteio na noite do último domingo (01), provocou pânico e correria no Centro de Tradições Gaúchas (CTG), um dos locais mais tradicionais de Vilhena, e terminou com o autor dos disparos detido pela polícia após o incidente.
 
De acordo com uma testemunha, um empresário do setor de transportes estava bebendo do lado de fora das instalações quando, de repente, com uma pistola 9 milímetros, disparou dois tiros contra a porta de blindex de um salão onde havia algumas pessoas jogando baralho.
 
Bastante irritado, e dizendo frases que ninguém conseguiu entender, o homem deu outros dois tiros para o alto, após uma testemunha tentar saber o motivo do ataque.
 
Na sequência, o empresário, que é membro antigo da entidade dedicada à preservação da cultura gaúcha em Vilhena, entrou em sua picape, deixando a arma para trás. A polícia foi mobilizada e conseguiu detê-lo numa avenida próxima ao CTG.
 
As pessoas que estavam no local até agora não sabem o que teria despertado a fúria do atirador, mas dizem que foi muita sorte ninguém ter sido baleado por ele.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS