BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Movimento Energia do Bem injeta recursos na economia e na saúde de RO

A empresa investiu na compra de máscaras e outros equipamentos de proteção de fornecedores locais, além de apoiar a produção de cestas básicas para populações fragilizadas e doar equipamentos de proteção para unidades de saúde

ASSESSORIA

23 de Abril de 2020 às 14:57

Foto: Divulgação

As primeiras ações do movimento Energia do Bem, criado pela Energisa para ajudar no combate à pandemia de Covid-19, está injetando recursos diretamente na economia de Rondônia. A empresa investiu na compra de máscaras e outros equipamentos de proteção de fornecedores locais, além de apoiar a produção de cestas básicas para populações fragilizadas e doar equipamentos de proteção para unidades de saúde. Todas as iniciativas estão sendo realizadas em articulação com agentes públicos e parceiros privados locais para garantir a efetividade das ações e os impactos positivos para o estado. 
 
 
 
“É um momento difícil, mas que tem nos mostrado como foram importantes os laços que construímos desde que chegamos ao estado, no fim de 2018. Estamos trabalhando com a Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ministério Público, Tribunal de Justiça e secretarias de Saúde de vários municípios”, afirma o diretor-presidente da Energisa, André Theobald.
 
 
 
O executivo afirma que a empresa também tem priorizado fornecedores locais, como forma de apoiar a economia do estado. Entre esses fornecedores, está a distribuidora de alimentos Coimbra e a Marok. As lojas e recepções da empresa também foram preparadas para o momento da reabertura após o isolamento social com proteções de acrílico que protegem atendentes e a população. Elas foram desenhadas por um colaborador e produzidos em Porto Velho em impressoras 3D.
 
 
 
“A crise deixa clara a força e diversificação da economia de Rondônia. Esse é um ativo muito importante nesse momento”, completa Theobald. 
 
 
 
O Grupo Energisa criou o Energia do Bem para viabilizar ações emergenciais que ajudem a superar a crise humanitária provocada pela doença. O movimento está presente nos 11 estados em que a empresa atua. Em todos os estados, o investimento do grupo será de cerca de R$ 5 milhões em ações que incluem doação e manutenção de ventiladores pulmonares, obras elétricas em unidades públicas de saúde e captação de recursos para assistência a idosos. Também foi criado o portal Energia do Bem, com informações confiáveis sobre a doença e conteúdo para reduzir os impactos do isolamento social.
 
 
 
Veja abaixo as ações já realizadas pela Energisa no Estado
 
 
 
Cestas básicas para o SOS RO – Doação de 2 mil cestas básicas para o movimento SOS RO, que tem a participação do TCE, MPRO e TJRO. As cestas estão sendo montadas pela distribuidora de alimentos e eletrodomésticos rondoniense Coimbra, ao custo de R$ 65 cada uma. Com o apoio da Energisa, o número de cestas do movimento passa de 6 mil para 8 mil.
 
 
 
Máscaras para Cemetron – Doação de 840 máscaras N 95 para o Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron), hospital referência no tratamento de Covid-19 no estado. As máscaras são de uso prioritário de profissionais de saúde e estão em falta no mercado. De acordo com o diretor do hospital, Sérgio Basano, são suficientes para suprir a equipe por um mês. 
 
 
 
Confecção de máscaras para colaboradores – A Energisa comprou da empresa Marok, localizada em Porto Velho, 10 mil unidades a R$ 4,50 cada uma. Em função da forte demanda, o valor unitário é maior do que o que vinha sendo praticado antes da pandemia, mas o interesse em favorecer a economia local e fatores logísticos justificaram a compra. “Nesse momento, está claro para nossa área de suprimentos, que as encomendas locais devem ser priorizadas”, explica o diretor-presidente da empresa.
 
 
 
Sobre a Energisa
 
 
 
Com 115 anos de história, o Grupo Energisa é o 5º maior em distribuição de energia elétrica. Uma das primeiras empresas a abrir capital no Brasil, a companhia controla 11 distribuidoras em Minas Gerais, Paraíba, Rio de Janeiro, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, São Paulo, Paraná, Rondônia e Acre. Com receita líquida anual de R$ 16,9 bilhões (ano 2019), o Grupo atende a 7,8 milhões de clientes (o que representa uma população atendida de quase 20 milhões de pessoas) em 862 municípios de todas as regiões do Brasil, além de gerar aproximadamente 19 mil empregos diretos e indiretos.
 
 
 
Com a missão de transformar energia em conforto, desenvolvimento e oportunidades de forma sustentável, responsável e ética, a Energisa atua com um portfólio diversificado que engloba distribuição, geração, transmissão, serviços para o setor elétrico (Energisa Soluções), serviços especializados de Call Center (Multi Energisa), comercialização de energia (Energisa Comercializadora) e soluções em energias renováveis (Alsol).

Galeria de Fotos da Notícia

Movimento Energia do Bem injeta recursos na economia e na saúde de RO

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS