ESPAÇO ABERTO: Governo recebe ajuda da Força Nacional e gera desconfiança de PMs

ESPAÇO ABERTO: Governo recebe ajuda da Força Nacional e gera desconfiança de PMs

Foto: Divulgação

 
PEDIDO
 
Govero de Rondônia pediu apoio da Força Nacional de Segurança.  O Estado anunciou que a medida é para auxiliar a Secretaria  Estadual de Segurança  no combate aos crimes ambientais e de invasões de terra.
 
AÇÃO
 
O secretário de Operações Integradas do Ministério da Justiça, Alfredo Carrijo, afirmou que o Governo Federal vai usar todos os meios para combater os crimes que vêm ocorrendo há um certo tempo na região. 
 
DESCONFIANÇA
 
Os policiais militares dizem que o procedimento do Governo não teria nada a ver com conflito de terra. Argumentam que já houve ação policial que teria contido às açõs criminosas no Cone Sul.
 
ENGODO
 
Os PMs afirmam que na verdade essa convocação  seria uma estratégia para ter a Força Nacional em Rondônia,  justamente na data limite para o início de um movimento grevistas dos policiais militares. 
 
COINCIDÊNCIA
 
O Governo informou que a desconfiança da categoria é evasiva. O pedido de apoio da FNS é de dois meses atrás, muito anterior às manifestações da PM por melhores salários.
 
 
MAIS OUTRO BURACO
 
Uma enorme cratera se formou em um trecho da BR 364, próximo a passarela que cruza a rodovia no bairro Tucumanzal, em Porto Velho. 
 
PERIGO
 
A cova é profunda  e coloca em risco motoristas e motociclistas que passam pelo local. Para avisar sobre o perigo, foram colocados cones na via.
 
AVISO
 
A Polícia Rodoviária Federal informou que já comunicou o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) sobre o buraco na pista. O DNIT teria prometido resolver o problema em 48 horas. 
 
BLOQUEIO
 
Sobre um eventual bloqueio de toda a pista, engenheiros do departamento serão enviados ao local para avaliar as condições da via.
 
RECENTE
 
Em fevereiro desse ano, também muito próximo à passarela do Tucumanzal, uma cratera se formou e o trânsito teve que ser desviado. Os reparos na pista duraram 5 dias.
 
 
COMIDA
 
A  Polícia Militar, no interior, arrecadou mais de seis toneladas de alimentos. A iniciativa faz parte do Projeto “Grãos do Vale”, que tem a finalidade de atender famílias em situação de vulnerabilidade social, do município de Cujubim, afetadas durante a pandemia.
 
 
PARCERIA
 
O projeto foi idealizado a partir de conversas entre um produtor de grãos, da zona rural do município, e integrantes da Patrulha Rural da PM. Os policiais se sensibilizaram com o grande número de famílias carentes em Cujubim e isso gerou um desafio.
 
ESFORÇO
 
Além dos produtores rurais, comerciantes também se envolveram na iniciativa para que as arrecadações pudessem  atender quase o total de famílias carentes do município. A motivação foi tão positiva que somente  três produtores de grãos do município doaram seis toneladas de arroz.
 
CRITÉRIO
 
As equipes solidárias também decidiram que a melhor forma de distribuição dos alimentos,  seria por meio de entidades religiosas locais, que já executam ações sociais nesse sentido. 
 
SENSIBILIDADE.
 
O adjunto da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania, Hélio Gomes, efatizou a importância do projeto “Grãos do Vale”. Disse que são ações como essas que tornam os cidadãos mais humanos. Concordo 200% com Hélio Gomes.
 
AQUECIMENTO
 
O comércio deu sinais de recuperação em maio. Dois indicadores prévios de atividade do setor confirmaram esse comportamento, o ICVA e o IGet Varejo, desenvolvido pelo Departamento Econômico do Santander.
 
NEGÓCIOS
 
A Sondagem do Comércio, da FGV também mostra melhora na percepção do ritmo de vendas e nas expectativas do setor. 
 
ENERGIA
 
O diretor-geral da Aneel, André Pepitone, afirmou nesta terça que o órgão regulador irá definir os novos valores das bandeiras tarifárias até o final de junho.
 
MAIS DE 20%
 
Segundo o diretor, o reajuste do patamar mais alto, a bandeira vermelha 2, deve ultrapassar os 20%, como previsto na consulta pública da Aneel. O Governo Federal ainda evita em falar sobre crise e racionamento no setor. 
 
CRESCIMENTO
 
Em rota de expansão desde que abriu seu capital, no ano passado, a varejista de produtos para animais de estimação Petz acaba de chegar à única região brasileira em que ainda não havia fincado bandeira: o Norte do País.
 
LOJAS
 
Em maio, a companhia desembarcou em Palmas (TO) e, já no fim desta semana, chega a Manaus (AM). Hoje já são 143 lojas Petz espalhadas pelo País. Com a unidade de Manaus, serão 11 inaugurações em 2021. Rondônia também está nos planos da empresa.
 
ESTOQUE
 
O Brasil está prestes a inundar o mercado mundial de açúcar. O motivo é que a transição do país para veículos elétricos reduzirá a demanda por biocombustíveis de base agrícola.
 
MUDANÇA DE MERCADO
 
Segundo o especialista Soren Jensen, a demanda por etanol no Brasil provavelmente começará a diminuir em 2030 à medida que os veículos elétricos se popularizam.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS