ESPAÇO ABERTO: Deputado diz estar de braços abertos para receber Marcos Rocha

ESPAÇO ABERTO: Deputado diz estar de braços abertos para receber Marcos Rocha

Foto: Divulgação

ANÚNCIO
 
O senador Flávio Bolsonaro anunciou que o presidente Jair Bolsonaro vai se filiar ao Patriota. A notícia foi dada durante uma convenção virtual do partido nesta segunda-feira (31/5).
 
DESLIGAMENTO
 
Recentemente, o senador anunciou o desligamento do Republicanos. A troca de partido aconteceu para que ele ajudasse o presidente a encontrar uma nova legenda para disputar as eleições do ano que vem.
 
ENTRAVE
 
Bolsonaro enfrentava dificuldades na negociação com uma série de partidos porque exigia o comando da sigla. Para se filiar a uma nova legenda desde que deixou o PSL em 2019, o presidente não abriu mão de querer ter poder para controlar os diretórios regionais da agremiação que o acolhesse.
 
NÃO É CONSENSO 
 
O Patriota se dispõe a correr o risco ao abrir as portas para Bolsonaro, o que tem provocado desentendimento entre alguns filiados. O presidente e o vice-presidente do partido, Adilson Barroso e Ovasco Resende, respectivamente, tinham opiniões distintas sobre convidar Bolsonaro para fazer parte do quadro da legenda.
 
ESTADO
 
Em Rondônia, a notícia de filiação de Bolsonaro ao Patriota foi comemorada pelo deputado estadual Marcelo Cruz, único representante da legenda na Assembleia Legislativa.
 
 
CRESCIMENTO
 
Marcelo Cruz diz que o partido cresce com a chegada do Messias e se torna viável para uma disputa majoritária nas eleições do ano que vem. O deputado é o Presidente do Patriota em Rondônia, que tem como vice-presidente Luana Rocha, mulher do governador. 
 
ALINHAMENTO
 
Essa decisão de Bolsonaro, na opinião de Cruz, encaminha automaticamente Marcos Rocha para a legenda. “ Estou alinhado com o Presidente e o Governador e já vamos começar a nos preparar para 2022”, afirma o deputado.
 
SALTO
 
O deputado enfatiza que o Patriota foi o partido que mais saiu fortalecido nas eleições municipais do ano passado. Ganhou às prefeituras de Candeias do Jamari, Ariquemes e Pimenta Bueno. O partido também fez 22 vereadores.
 
OUSADIA
 
Marcelo Cruz diz que o otimismo é tão grande que já há um planejamento para fazer cinco deputados estaduais, três federais e um Senador no pleito de 2022. O Patriota tem 2 mil filiados em Rondônia.
 
VIAGEM 
 
É claro que o deputado Marcelo está “viajando na maionese”. Hoje os partidos que mais tem deputados na Assembleia Legislativa são MDB e PRB, com três deputados cada um. 
 
SEM CHANCE
 
Não vejo nenhuma possibilidade de alguma legenda emplacar 5 deputados estaduais ano que vem. Ahh!! E segundo o ilustre deputado, a pretensão é também “brigar” pelo Senado. 
 
DIVISÃO
 
Essa  ida de Bolsonaro para o Patriota pode mudar bastante o cenário político de Rondônia. Apoiadores do Presidente, que não morrem de amores por Marcos Rocha, já olham desconfiados sobre um provável acordo para 2022.
 
NÃO TEM LUGAR
 
Lideranças como o deputado federal coronel Chrisóstomo, o pecuarista Jaime Bagattoli e o senador Marcos Rogério já teriam escutado de Bolsonaro que seriam apoiados por ele no pleito do ano que vem. 
 
COMPOSIÇÃO
 
Marcos Rogério entraria na disputa pelo Governo, Bagattoli concorreria ao Senado e Chrisóstomo á reeleição. O problema é que nessa canoa não cabe Marcos Rocha. Até caberia, mas o histórico de amizade entre os citados acima não é dos melhores.
 
COMPOSIÇÃO 2
 
Uma eventual indicação de um vice, tendo Marcos Rogério na cabeça de chapa, também é algo improvável já que Luana Rocha, como atual vice-presidente estadual do Patriota, estaria presente no pleito.
 
COMPOSIÇÃO 3
 
A aliança acima até poderia ser viabilizada, mas sem a presença d coronel Chrisóstomo e de Jaime Bagattoli. Além disso, Marcos Rocha só teria lugar na disputa como um eventual candidato a deputado federal. Já que ninguém imagina que a vaidade permitiria disputar como vice de Rogério.
 
RUMO
 
O pecuarista Jaime Bagattoli ( sem partido ) afinadíssimo com Bolsonaro, e garantido na disputa ao Governo ou Senado já deve preparar sua estratégia de filiação nos próximos dias.
 
ESCOLHA
 
Ele já vem sendo assediado por alguns partidos, mas estava aguardando a decisão de Bolsonaro para decidir que rumo tomar. O próprio Jaime já admitiu que pretende vir muito bem estruturado para disputar o pleito e não estaria descartada uma chapa majoritária com outro grande pecuarista de Rondônia ao seu lado.
 
DEFINIÇÕES
 
Para quem acompanha de perto a política sabe que nunca nada está definido até o último momento de registro de candidatura. A única coisa certa é que, para a próxima eleição, o mamão com açúcar da eleição de 2018 poderá virar um abacaxi bem amargo para alguns pretensos candidatos.
 
ESCLARECIMENTO
 
O Governo de Rondônia divulgou nota informando que já concedeu reajuste salarial aos servidores da Polícia Militar, Polícia Civil, Politec e Corpo de Bombeiros. O projeto de lei n° 4.781, de 27 de maio de 2020 está aprovado e entrará em vigor automaticamente no dia 1º de janeiro de 2022. 
 
JUSTIFICATIVA
 
Diz a nota que o reajuste ainda não foi incorporado aos salários dos beneficiados por força da Lei Complementar Federal 173 de 27 de maio de 2020, cuja constitucionalidade fora confirmada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), somada à Lei Complementar Federal número 178 de 13 de janeiro de 2021, bem como a Emenda Constitucional 109, de 15 de março de 2021. 
 
PONTUAL
 
Em síntese, a legislação federal estabelece a vigência de um regime fiscal provisório exclusivamente para o enfrentamento da pandemia causada pela covid-19. Este regime fiscal provisório editado pelo Governo Federal estabelece, dentre outras coisas, proibição temporária de concessão de reajustes salariais.
 
LIMITE
 
O prazo de validade desta legislação encerra-se automaticamente no dia 31 de dezembro de 2021, e no dia 1º de janeiro do ano que vem o reajuste salarial será incorporado aos vencimentos dos beneficiados.
 
CAUTELA
 
Por força deste regime fiscal provisório, o Governo do Estado de Rondônia não pode colocar em vigor o reajuste concedido; caso o fizesse, o ato seria nulo e todos os envolvidos penalizados por desrespeitar a legislação estabelecida.
 
OPORTUNISMO
 
Os integrantes da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militares são em sua maioria pessoas honradas e trabalhadoras, mas as manifestações pelas redes sociais e em formatação de carreatas são ações de cunho meramente político. Os organizadores destes eventos sabem do impedimento legal e têm como objetivo confundir os componentes das forças estaduais de segurança pública a fim de provocar embates com o Governo do Estado.
 
TRANSPARÊNCIA
 
O Governo do Estado de Rondônia disponibiliza a informação técnica número 33/2021/SEPOG-GAB a qual detalha todo o assunto, bem como cópia da lei número 4.781, de 27 de maio de 2020 aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (ALE-RO) e promulgado pelo poder executivo garantindo o reajuste salarial de 8% aos membros da segurança pública do Estado de Rondônia.
 
*Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Rondôniaovivo
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

FP Baby LTDA

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS