APOIO: JBS, Bradesco, Itaú e Vale lançam carta em defesa do sistema eleitoral brasileiro

A carta é mais uma resposta à conferência realizada por Bolsonaro com embaixadores de diversos países para criticar as urnas eletrônicas

APOIO: JBS, Bradesco, Itaú e Vale lançam carta em defesa do sistema eleitoral brasileiro

Foto: Divulgação

Uma coalizão formada por setores do agronegócio, do empresariado e do mercado financeiro lançou nesta quarta-feira (3) um manifesto em defesa da democracia e do sistema eleitoral brasileiro.
 
Cerca de uma semana depois do lançamento da “Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito!” — divulgada pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e assinada por juristas, empresários, artistas e lideranças políticas em defesa das urnas —, a Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura divulgou seu próprio manifesto.
 
“Ressaltamos que o processo eleitoral é inquestionável e imprescindível para toda e qualquer discussão que vise à prosperidade do país”, diz um trecho do manifesto.
 
O documento é respaldado por empresas e entidades como Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), Bayer, BRF, Bradesco, BTG Pactual, JBS, Itaú, Marfrig e Vale. Confira aqui a lista completa dos integrantes da coalizão.
 
“Nosso movimento vem a público em apoio a uma bandeira sem a qual nenhuma das demais é possível: a defesa da democracia. Nos últimos 37 anos, o Brasil dedicou-se a edificar um regime cidadão, de instituições sólidas e calcado no respeito à lei e no equilíbrio de direitos e deveres. Em seu alicerce estão eleições limpas, onde se manifesta a vontade popular”, afirma o grupo.
 
A coalizão aponta que é “sobre elas que se pavimenta o caminho para um país melhor, mais maduro, melhor conceituado na comunidade internacional, mais apto a liderar o debate e a implementação de agendas urgentes e que provocam mobilização crescente no mundo inteiro, como a da sustentabilidade e das mudanças climáticas“.
 
A carta é mais uma resposta à conferência realizada por Bolsonaro com embaixadores de diversos países para criticar as urnas eletrônicas.
 
No fim do mês, uma comitiva de deputados do Parlamento Europeu deve chegar ao Brasil para demonstrar o apoio ao sistema eleitoral brasileiro.
 
Os parlamentares vão se reunir com organizações não governamentais (ONGs), com a sociedade civil e com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), candidato que lidera as pesquisas eleitorais.
 
 
Direito ao esquecimento

Quem você apoiaria para ser senador por Rondônia?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS