AFRO-ANTILHANAS: Exposição fotográfica mostra papel das mulheres negras na construção de Porto Velho

Pioneiras atuaram principalmente no processo de alfabetização

AFRO-ANTILHANAS: Exposição fotográfica mostra papel das mulheres negras na construção de Porto Velho

Foto: Divulgação

Como parte das comemorações alusivas ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha, a Prefeitura de Porto Velho, com o apoio do Serviço Social do Comércio (Sesc), realizará, de 21 de julho a 21 de agosto, no Mercado Cultural, a exposição fotográfica Afro-Antilhanas do Madeira: Pioneiras na Arte de Educar.


A exposição apresenta fotografias históricas que refletem a importância do trabalho das mulheres barbadianas na construção da Estrada de Ferro Madeira Mamoré (EFMM) e, consequentemente, na formação do município de Porto Velho.



A curadora da exposição é Marcela Bonfim, que é especialista em retratar a história das comunidades negras.



“Nesta mostra teremos especialmente as fotografias das pioneiras. No total, 17 mulheres serão homenageadas”, explica a secretária adjunta da Secretaria Municipal de Assistência Social e da família (Semasf), Joelna Holder, idealizadora e organizadora do evento junto com a secretária Glayce Bezerra.



Segundo Joelna Holder, é inegável o papel ativo das mulheres desde o início da construção da cidade, que surgiu com a obra da lendária Madeira Mamoré, no começo do século XX. “A participação delas foi decisiva na alfabetização dos primeiros habitantes”, observou.

 

Decom - Prefeitura

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS