‘OS BÊS DA BIA’: Personagens reais inspiram aliteração em livro infantil de Carla Sartorelli

A obra faz uso de recurso linguístico para despertar a criatividade nas crianças em fase de alfabetização

‘OS BÊS DA BIA’: Personagens reais inspiram aliteração em livro infantil de Carla Sartorelli

Foto: Divulgação

Personagens reais deram vida ao livro Os Bês da Bia, obra regida pela letra B, que traz a representatividade da infância por meio de um objeto querido por crianças de todas as idades: a bola. É ela quem guia o leitor pelas “bagunças” de Bia dentro de sua casa.

 

Escritora e ilustradora da obra, Carla Sartorelli vive um momento de transição de carreira. Formada em Ortodontia, passou por uma editora especializada em Odontologia e, agora, decidiu mergulhar no mundo da escrita e das ilustrações. Os Bês da Bia é o terceiro livro da autora, que atualmente divide sua vida entre o Brasil e a Itália.

 

Os detalhes inéditos dessa escolha incomum e as inspirações para construir a narrativa de Os Bês da Bia, Anna revelou no bate-papo a seguir!

 

1. “Os Bês de Bia” é inspirado em personagens reais. Como isso aconteceu?

 

A história do livro “Os Bês da Bia” é inspirada em uma grande amiga minha, Bianca, que tem uma filha chamada Bia e uma cachorrinha chamada Benta. Na época, Bianca, grávida de seu segundo filho, me contava que iriam viajar: ela, Bia, Benta e a Bisa; e eu brinquei: e o bebê também! Esta aliteração ficou na minha cabeça por um tempo e um dia comecei a escrever o texto e a brincar com as diversas palavras e objetos com B que temos em casa, no cotidiano.

 

2. A bola é um objeto querido das crianças de todas as idades. Você diria que ela é a protagonista do lançamento?

 

Sim, a bola de certa forma é a protagonista pois representa o eu interno da Bia. Em geral, representa a vontade todas as crianças em se movimentarem, jogarem, representa também o ato de brincar. Qualquer criança pode se identificar com a brincadeira de bola, pois é um objeto universal que qualquer criança em qualquer cultura entende.

 

De outro modo, a bola permite à criança brincar sozinha, assim como, brincar com outras crianças. Na história a Bia brinca sozinha batendo a bola em vários objetos, e no fim, fica contente pois descobre que o bebê já sabe brincar também. É o primeiro momento de brincadeira com o irmãozinho, pois ela pode brincar sozinha e se divertir, mas agora tem um irmão para brincar com ela também, e é a bola que une os dois neste momento.

 

3. Carla, você é formada em Odontologia. Como migrou para a carreira de escritora?

 

Tive uma ótima carreira na Odontologia por 15 anos, mas sempre soube que não trabalharia nesta área para sempre. Sabia que algum dia mudaria, só nunca imaginei que seria para esta carreira de autora/editora, essas mudanças foram acontecendo gradual e naturalmente. Em 2010, enquanto ainda era dentista, o mundo editorial se abriu para mim, pois fui convidada a trabalhar em uma editora de revistas odontológicas e me apaixonei pela área de editoração. Voltei a estudar, fiz diversos cursos de editoração, de revisão, de português, e passei a escrever pequenos contos e algumas histórias, mas sem ambição ser publicada. Nesta época, ainda não sabia nem ilustrar.

 

Uma conhecida me mostrou a ilustração de uma personagem, e eu sugeri um projeto em que eu seria a autora e ela a ilustradora. Nesta época, me empolguei e escrevi 5 histórias infantis, entre elas, meu primeiro livro “de cor em cor” e logo em seguida, os “Os Bês da Bia”. Mas o projeto não foi adiante, e eu tinha minhas histórias, mas não tinha quem as ilustrasse. Então redirecionei meus estudos para artes plásticas (cursos livres de arte e Escola Panamericana de Artes), narrativa e livros ilustrados (com o famoso escritor Fernando Vilela), ilustração científica (para aprimorar a aquarela e meu estilo de ilustração) e comecei a desenvolver meus livros. Tudo isso enquanto ainda era dentista, investi todo meu tempo l…

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS