BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Recreação Cultural para as crianças nesta sexta e sábado; transmissão on-line

O evento será exibido no canal do Youtube da Fada Inad. A participação é gratuita.

Assessoria

29 de Janeiro de 2021 às 08:44

Atualizada em : 29 de Janeiro de 2021 às 12:44

Foto: Divulgação

Correção: Os promotores do evento informam que o evento foi adiado em virtude de os mesmos terem pego Covid-19. A nova data será divulgada posteriormente.

 

Buscando proporcionar conteúdos artísticos e culturais de qualidade, e promover um momento de diversão e alegria para as crianças do estado de Rondônia, além de gerar oportunidades de visibilidade nacional para recreadores da região amazônica, a Fada Inad inova mais uma vez. 

 

Nesta sexta,29, e sábado,30, acontecerão apresentações da "Recreação Cultural Online", um dos projetos beneficiados pela Lei Federal Aldir Blanc (Lei nº 14.017/2020), Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer de Rondônia (Sejucel), pelo edital 1ª Edição Mary Cyanne (Nº 77/2020/SEJUCEL-CODEC). 

 

O evento será transmitido pelo canal do YouTube da Fada Inad e contará com apresentações artísticas interativas para as crianças, com brincadeiras adaptadas para o ambiente virtual, permitindo a participação do público via chat.

 

Terá  também a realização de coreografias de músicas infantis da Fada Inad, como, os hits Dança de Coração e Vamos Tomar Banho, trabalhando o movimento e a expressão corporal; Jogo do Super Zoom, usando imagens de obras de arte (quadros, monumentos e esculturas); Gincana da Solicitação, exercitando o raciocínio e a memória visual das crianças; Coreografia da música Iris Bailarina, apresentação de uma bailarina mirim; entre outras.

 

Em um momento em que as crianças estão reclusas, afastadas de seus amigos, sem a possibilidade de brincar ao ar livre, a Recreação Cultural Online surge como uma opção libertadora, promovendo a diversão, a interação social e a cultura, incentivando as relações humanas e o contato coma ludicidade.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS