BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

COVID-19: Crescida em RO, atriz Cristina Lago mostra preocupação com a pandemia no estado

Mantendo-se em isolamento no Rio de Janeiro (RJ), a atriz comentou que fala com sua família todos os dias e que todos estão bem. Seus familiares vivem em Outro Preto do Oeste, interior do estado, município onde Cristina foi criada.

Assessoria

31 de Março de 2020 às 09:57

Foto: Divulgação

Criada em Rondônia desde pequena, a atriz Cristina Lago manifestou preocupação com a população do estado por causa do Coronavírus (Covid-19), através de suas redes sociais. Nesta segunda-feira (30), a artista disse que não se deve subestimar esse vírus que está matando pessoas todos os dias.

 

Mantendo-se em isolamento no Rio de Janeiro (RJ), a atriz comentou que fala com sua família todos os dias e que todos estão bem. Seus familiares vivem em Outro Preto do Oeste, interior do estado, município onde Cristina foi criada.

 

A atriz ficou mais preocupada com a situação em Rondônia após divulgações do Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia (Cremero), que fez uma estimativa de que o estado pode chegar a 500 mil casos de Coronavírus.

 

“O Cremero divulgou uma pesquisa sobre o Coronavírus com um cenário pessimista e outro otimista. Segundo a entidade, em um cenário pessimista, estima-se 500 mil casos até 2 de maio de 2020 em Rondônia; e, em um cenário otimista, estima-se 134.582 casos até 2 de maio de 2020”, alertou.


A atriz fez um comparativo dos números em relação a Outro Preto do Oeste. “A cidade onde eu cresci tem aproximadamente 36.035 habitantes. Ou seja, em um cenário muito otimista, teríamos um número de infectados equivalente à quase quatro vezes a população da minha cidade no estado. Repito, seriam quase quatro cidades de OPO totalmente infectadas na melhor das situações. Conseguem ver a proporção dentro do estado?”, questionou.

 

Na capital fluminense após passar uma temporada em Portugal, onde gravou a novela na Corda Bamba, Cristina ressaltou que a população rondoniense deve ficar alerta e se prevenir, mesmo estando longe dos grandes centros, lugares de maior concentração da Covid-19, como por exemplo, o estado de São Paulo.
 

“Eu sei que às vezes pode parecer que como estão distantes dos grandes centros, não estão correndo risco, mas isso não é verdade. As realidades são diferentes sim, mas não se deve subestimar esse vírus que está matando pessoas todos os dias. Faço um apelo para a população de Rondônia: todos que puderem, fiquem em casa e tomem todos os cuidados de higiene que estão sendo divulgados pela OMS”, enfatizou.


Em outro comentário, a atriz frisou que “nenhum país com o nosso sistema precário de saúde passou por esse vírus ainda. Não afrouxem os cuidados! Se protejam! Protejam quem vocês amam e quem vocês não conhecem! Cada um importa!”.

 

Texto: assessoria da atriz

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS