VACINAS: PF foi recebida a tiros por filho de empresário pai das gêmeas acusadas de furar fila

O empresário Nilton da Costa Lins Júnior, alvo da da “Operação Sangria”, é pai das gêmeas milionárias Gabrielle Kirk Lins e Isabelle Kirk Lins, que conseguiram em janeiro furar a fila da vacinação contra a Covid

VACINAS: PF foi recebida a tiros por filho de empresário pai das gêmeas acusadas de furar fila

Foto: Divulgação

O empresário Nilton da Costa Lins Júnior, alvo de policiais da Polícia Federal nesta quarta-feira (2) que cumpriram mandado de busca e apreensão e que foi recebidos a tiros pelo seu filho na residência da família, é pai das gêmeas Gabrielle Kirk Lins e Isabelle Kirk Lins, nomeadas para cargos comissionados na prefeitura de Manaus em 18 de janeiro deste ano, véspera da data de início da vacinação em Manaus.
 
A nomeação foi assinada pelo prefeito David Almeida (Avante) e as jovens ganharam destaque nacional como “fura-filas” da vacina. Ambas receberam a segunda dose do imunizante quatro dias após os pedidos de exoneração.Gabrielle e Isabelle são filhas da atual mulher de Nilton da Costa Lins Júnior, que teve mandado de prisão temporária decretado nesta quarta-feira pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).
 
Ele é suspeito de integrar esquema de desvio de recursos, sobrepreço e fraude à licitação na construção do hospital de campanha Nilton Lins.Policiais  foram recebidos a tiros pelo filho do empresário Nilton Lins.
 
O secretário de Saúde do Estado, Marcellus Campêlo, também teve a prisão decretada.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS