GRUPOS: Disputa presidencial chega com força ao presídio federal de Porto Velho

GRUPOS: Disputa presidencial chega com força ao presídio federal de Porto Velho

Foto: Divulgação

 

‘Lembre-se que as pessoas podem tirar tudo de você, menos o seu conhecimento’ - Albert Einstein
 
 
Presídio Federal
 
Servidores do Presídio Federal de Porto Velho afirmam que a campanha eleitoral para presidente da República está acirrada entre a categoria. Eles dizem que o posicionamento político, Lula ou Bolsonaro, pode ser motivo de problemas no local de trabalho. A coisa chegou a tal ponto que foi criado um grupo de whatsapp chamado ‘SPF Opressor’, favorável a Bolsonaro, onde é afirmado que o PT é pró preso. O objetivo é espalhar fake News contra o candidato de esquerda. Para contrapor a esse grupo, foi criado outro de apoiadores do candidato Lula, intitulado ‘Servidores da Execução Penal Pela Democracia’.  A informação é de que os policiais penais federais estão divididos. O debate fica mais acirrado nessas unidades federais, pois, há anos os servidores esperam pela regulamentação da Polícia Penal Federal, que não foi efetivado pelo atual presidente. Vale lembrar, que esses presídios foram criados nos governos petistas.
 
Gonçalves
 
Quando olhamos o cenário local, a eleição para o Governo de Rondônia continua uma incógnita. Os dois Marcos(Rocha e Rogério) intensificam as mobilizações visando conquistar os corações dos indecisos, que não devem ser poucos. Pelo lado do atual governador, a notícia de que o chefe da Casa Civil, Júnior Gonçalves, pediu exoneração causou surpresa para alguns. No lugar dele, assume Gisele da Silva Santos Viana. Júnior usou as redes sociais para dizer o seguinte: "Pedi exoneração do cargo de secretário chefe da casa civil! Esse é um momento de me dedicar à campanha do Governador @celmarcosrocha por inteiro! Vamos pra cima de 44. Marcos Rocha pra Governador". Tá bom!
 
 
Primeira-dama
 
Quem também acompanhou Júnior Gonçalves, foi a primeira-dama, Luana Rocha, que deixou o comando da Secretária de Assistência Social e Desenvolvimento (Seas). Quem passa a responder pela pasta é Anderson Melo Tinoco da Silva. Dia 30, será um dia de respostas!
 
Resistentes
 
A decisão do Conselho Federal de Medicina de colocar restrições ao uso de medicamentos à base de maconha, de onde se extraí o canabidiol, no tratamento de diversas doenças, com ameaças de cassação dos registros de médicos que contrariarem a norma, já encontra resistência na própria classe. 
 
 
Dois pesos
 
Em Rondônia, um profissional do setor que receita medicamentos derivados da maconha, questiona o CFM. Ele afirma que essa é uma decisão política e diz que ‘o mesmo conselho que proíbe o canabidiol é o que permitiu, a qualquer médico, usar medicamentos sem eficácia nenhuma contra a covid, como hidroxicloroquina ou a invermectina. Um é para a malária e o outro para sarna ou piolho. Agora, proíbe medicamentos com eficácia para diabetes, mal de Parkinson, epilepsia e esclerose múltipla’. A verdade é que tem muitas pessoas sofrendo ou vão sofrer com essa norma do CFM. Direito à saúde e um direito de todos! 
 
 
Finalizando
 
A Faculdade Católica de Rondônia, em breve, estará instalada no novo campus, localizado ao lado do Espaço Alternativo, na avenida Jorge Teixeira. A obra se encontra nos estágios finais, o que tornará a faculdade uma das mais bem estruturadas de Rondônia. Nesta quinta-feira(20), às 9:30 (pontualmente), será feita uma visita guiada ao novo campus. Quem também irá conhecer o local é o Governador Marcos Rocha. A comunidade está convidada a participar. Essa é considerada a maior obra do setor educacional de todo o país.
 
 
Feriado
 
Uma boa pedida para se celebrar o Dia do Servidor Público, no dia 28 de outubro, é conhecer um pouco de Rondônia. Para isso, a Amazônia Adventure está com uma excursão para o Hotel Graúna e Vale das Cachoeiras. Saída no dia 28 e retorno no dia 29. Mais informações pelo telefone 99256-0007. Rondônia tem muito a te mostrar!
 
Direito ao esquecimento

Qual você acha que será o resultado do jogo entre Brasil e Suíça nesta segunda-feira (28)?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

MS Teixeira Comercial

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS