UNIÃO: Destinos do Nordeste propõem promoção nacional e internacional conjunta

“Essa é uma iniciativa extremamente importante, a união dos estados do Nordeste é fundamental na promoção unificada dos destinos, que são os mais bonitos do Brasil"

UNIÃO: Destinos do Nordeste propõem promoção nacional e internacional conjunta

Foto: ILUSTRATIVA

 

Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte pretendem de forma unificada promover o turismo na região aumentando a competitividade dos destinos nos mercados nacional e internacional.
 
 
O projeto já aponta – por meios de estudos com todos os envolvidos – a ênfase em alguns produtos segmentados como, por exemplo, Sol e Mar, Luxo, Ecoturismo e Turismo Rural, Arte, Cultura e Gastronomia.
 
 
Na última terça-feira (27), os secretários de Turismo, Ana Costa, do Rio Grande do Norte, Rodrigo Novaes, de Pernambuco, Sandra Villanova, assessora Especial da Sedetur (AL), e Ruth Avelino, presidente da PBTur, apresentaram ao ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, o projeto que prevê a promoção conjunta com bases no acervo cultural e histórico de cada estado, conectividade com os principais destinos emissores domésticos e internacionais e ainda, a divulgação da grandiosidade de oferta de produtos e serviços turísticos com impactos reais na econômica de cada região.
 
 
“Sabemos que cada estado é singular, mas compartilham a mesma essência turística: são destinos de sol e praia com forte tradição e apelo histórico-cultural. Além disso, a proximidade geográfica dos quatro estados possibilita que o turista, em uma única viagem, visite diversos destinos, incrementando a permanência média e gerando mais riquezas para a região”, disse o Ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.
 
 
Para a secretária de Turismo do Rio Grande do Norte, Ana Costa, a iniciativa de integrar os estados vizinhos será fundamental para apresentar um produto novo no mercado.
 
 
“Promover nosso estado em conjunto com a Paraíba, Pernambuco e Alagoas irá colaborar com a retomada do setor envolvendo vários atores importantes do turismo nacional e internacional”, disse.
 
 
Outro fato que deve ser levado em conta está ligado à divulgação das principais tendências de sustentabilidade e economicidade neste momento pós-pandemia. “Importantíssima a união dos estados nesse momento em que a pandemia dificultou e continua impactando o turismo. Acredito que dará um grande impulso ao Turismo da Paraíba. Estou muito confiante”, enfatiza Ruth Avelino, presidente da PBTur.
 
 
De acordo com o secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, os quatros estados propõem uma articulação inovadora que traz novas estratégias e um produto importante para o turismo no Brasil.
 
 
“No momento em que o setor está sendo repensado por conta das leis e regulamentações pela pandemia, com certeza essa é uma ação de extrema importância e peculiar, tendo em vista que nunca houve no turismo algo que unisse a cultura, arte, gastronomia e belezas naturais desses quatro estados importantes para economia turística da região”, afirmou Novaes.
 
 
“Essa é uma iniciativa extremamente importante, a união dos estados do Nordeste é fundamental na promoção unificada dos destinos, que são os mais bonitos do Brasil. Me coloco a disposição dos colegas secretários e do Ministério do Turismo para que a gente mantenha o diálogo cada vez mais próximo na divulgação da região como um todo, fortalecendo os diferenciais competitivos de cada um. Esperamos impulsionar ainda mais atividade turística e, sobretudo, assegurando a geração de emprego e renda para o nosso povo”, comenta Rafael Brito, secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alagoas.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS