BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

VENDETTA: Polícia faz operação para prender acusados de matar casal com tiros na cabeça

Durante as investigações da Polícia Civil restou apurado que as mortes de Cowboy e de sua esposa Mirian possuíam relação e a motivação foi que recaia sobre Cowboy

Rondoniaovivo

23 de Junho de 2020 às 11:45

Foto: PC

A Polícia Civil por meio da 1ª Delegacia do município de Monte Negro/RO, com apoio operacional das Delegacias de Buritis, de Ariquemes e de Porto Velho deflagrou a Operação Vendetta, para cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão relativo as investigações da morte de Eberson Mendes, conhecido por Cowboy e de Mirian Francisco, esposa de Cowboy.
 
 
Consta que no dia 31/03/2020 Cowboy foi morto com 6 tiros na cabeça quando chegava em casa e no dia 12/04/2020 Mirian (esposa de Cowboy) foi morta na casa dos seus pais com disparos de arma de fogo quando estava no quarto descansando.
 
Durante as investigações da Polícia Civil restou apurado que as mortes de Cowboy e de sua esposa Mirian possuíam relação e a motivação foi que recaia sobre Cowboy o triplo homicídio ocorrido no dia 13/03/2020 em Monte Negro, vitimando: Vanuza, seu irmão Rubens e o companheiro de Vanuza, Abel, sendo que Vanuza e Rubens são pertencentes a conhecida Família Mato Grosso de Monte Negro/RO.
 
 
Ficou apurado que a Família Mato Grosso na qual Vanuza e Rubens pertenciam, atribuíram a Cowboy participação no triplo homicídio e como vingança foi orquestrada a morte de Cowboy e de Mirian.
 
 
O nome da Operação Vendetta faz alusão a palavra italiana vendetta que em português significa vingança, sendo que a motivação das mortes foi a vingança perpetrada pelos alvos desta investigação e operação policial.
 
 
Maiores informações e balanço dos resultados ao final da Operação.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS