BR-364: Homem é morto pela polícia após matar mãe e criança de 6 anos

BR-364: Homem é morto pela polícia após matar mãe e criança de 6 anos

Foto: Reprodução

Em um trágico desdobramento de eventos neste domingo, a Polícia Militar de Feijó foi forçada a uma ação letal contra um homem acusado de feminicídio e sequestro. O incidente ocorreu na região da antiga travessia da BR-364, no sentido Feijó/Tarauacá.
 
Segundo relatos, o homem, após assassinar sua esposa, identificada apenas como Graça, fugiu de canoa levando consigo seu enteado de 6 anos. A polícia, alertada por denúncias, prontamente iniciou a perseguição.
 
Ao localizar o suspeito, os oficiais se depararam com uma cena angustiante: o homem utilizava a criança como escudo humano. Em dado momento, o agressor feriu gravemente o menino com uma faca. Diante do perigo iminente à vida da criança, os policiais tomaram a decisão de atirar no homem, que veio a óbito no local.
 
Moradores descrevem o episódio como extremamente chocante. Uma testemunha relatou que o homem apresentou um surto de raiva enquanto mantinha a criança sob seu poder. Enquanto a polícia tentava negociar, o agressor utilizou como barreira protetora dentro de uma embarcação. Conforme informações locais, a crinaça sofreu múltiplas lesões por arma branca.
 
“O homem era o marido da minha tia, ele matou ela degolada e fez a criança de refém, quando a polícia chegou no local ele matou a criança e os policiais mataram ele”, afirma.
 
Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Aldo Júlio em Rolim de Moura?
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ariquemes tem sua preferência?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS