BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

OURO PRETO DO OESTE: Operador fica preso nas ferragens após pá carregadeira tombar

O jovem foi levado ao Hospital Municipal de Ouro Preto do Oeste e teve ferimento no braço direito

JARU NOTÍCIAS

10 de Junho de 2020 às 16:05

Atualizada em : 10 de Junho de 2020 às 17:08

Foto: Divulgação

JARU NOTÍCIAS - Um operador de máquina, de 19 anos, foi socorrido na tarde desta terça-feira (9), pelo Corpo de Bombeiros Militar, após a pá carregadeira que ele operava ter tombado e ele ficar preso nas ferragens embaixo da máquina. O acidente aconteceu por volta das 15h25, no km 2,5 da linha 80, gleba 18, zona rural da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste.
 
O fato ocorreu quando o jovem estava operando a máquina pesada em um local íngreme, no alto de um morro. Em dado momento, a pá carregadeira teria desligado sozinha, vindo a travar, causando a falha dos freios. Na sequência, a máquina acabou descendo e tombando no meio da estrada, ficando com os pneus para cima e deixando a vítima presa às ferragens.
 
Os bombeiros foram acionados e, ao chegarem ao local, se depararam com o jovem preso embaixo da máquina. Após utilizarem um desencarcerador, um expansor e um alicate de corte, conseguiram retirar a vítima. O jovem foi levado ao Hospital Municipal de Ouro Preto do Oeste, onde foi constatado que o mesmo sofreu apenas um ferimento no braço direito e uma leve queimadura em uma das pernas, ocasionada por óleo quente que vazou da máquina.
 
Ele recebeu atendimento médico e ficou internado na unidade pública hospitalar de Ouro Preto do Oeste.

Galeria de Fotos da Notícia

OURO PRETO DO OESTE: Operador fica preso nas ferragens após pá carregadeira tombar

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Vereador Aleks Palitot verifica atendimento em UPAs

Vereador Aleks Palitot verifica atendimento em UPAs

O vereador conversou com a população que buscava atendimento e também com integrantes das equipes das unidades onde colheu informações para a elaboração de oficio a ser encaminhado ao Executivo cobrando as devidas tomadas de providência.

10 de Julho de 2020 às 15:06