BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

SÓ AUMENTANDO: Preço do gás de cozinha chega a quase R$ 100 em Rondônia

Ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o preço cairia para R$ 35,00 no primeiro ano de Governo Bolsonaro, entretanto isso não aconteceu.

João Vitor Muniz/Rondoniaovivo

17 de Fevereiro de 2021 às 11:55

Atualizada em : 17 de Fevereiro de 2021 às 11:57

Foto: Reprodução/Governo de Rondônia

O Estado de Rondônia bateu um recorde nesta semana quanto ao preço do valor do gás de cozinha. Somente na capital, o valor do combustível de 13 quilos já chegou a R$ 99,00.
 
Segundo dados divulgados pela Agência Nacional do Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio do gás de cozinha é de R$ 91,52.  
Nos 29 postos, onde foi feito o levantamento, o valor do gás vária entre R$ 85,00 e R$ 99,00.
 
Em Mato Grosso, estado que faz divisa com Rondônia, o preço já ultrapassou os R$ 100, é o maior aumento da história de MT.
 
Vários comerciantes já começaram a confeccionar placas com os novos valores, pois a atual só tem espaço para 4 dígitos, e caso chegue a R$ 100, não haverá lugar para mais um dígito.
 
No primeiro ano do governo Bolsonaro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o preço do gás de cozinha iria cair pela metade. Na época,  o gás custava em média R$ 69,24. Metade daria aproximadamente R$ 35, entretanto isso não aconteceu.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS