BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

SEAS: Governo lança edital para capacitar mais de mil servidores em Rondônia

Para o treinamento dos agentes, a Seas firmou Termo de Cooperação com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-Ifro

ASSESSORIA

20 de Outubro de 2020 às 15:17

Foto: Divulgação

O Governo do Estado, por meio  da  Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), lançou Edital de Capacitação de Formação Inicial e Continuada, onde serão capacitados mil agentes que integram o Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescentes,  entre eles, conselheiros tutelares, conselheiros municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente e profissionais da Assistência Social e da Educação.
 
Para o treinamento dos agentes, a Seas firmou Termo de Cooperação com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-Ifro. A capacitação terá carga horária de 200 horas, e será realizada através do Ensino a Distância-EaD, em ambiente totalmente virtual, com o objetivo de fortalecer os agentes que integram o SGD e desenvolver um espaço para o entendimento do fenômeno da violência e da promoção dos direitos da criança e do adolescente, com sistematização do atendimento e construção de estratégias de intervenção junto à sociedade.
 
As inscrições podem ser feitas no site até o dia 2 de novembro, às 23h59. O Edital com mais informações sobre a documentação necessária e requisitos está disponível no link: https://portal.ifro.edu.br/portal-ifro/459-editais/extensao/10506-edital-n-02-2020-selecao-de-conselheiros-para-o-curso-da-escola-de-conselhos.
 
Dessa maneira, a Seas reafirma seu compromisso com a implementação do Programa Criança Protegida, investindo no fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos de Crianças e Adolescentes, com ações que variam desde capacitações, que auxiliam os agentes do Sistema de Garantia de Direitos no desenvolvimento de suas atribuições, à melhorias estruturais nas dependências dos Conselhos Tutelares, favorecendo um atendimento mais eficiente, humanizado e acolhedor.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS