BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

DE CARA NOVA: Faculdade FARO readapta propósito e valores e anuncia a nova logomarca

A nova identidade visual da FARO foi idealizada com base na nova visão adotada pela Faculdade

ASSESSORIA

05 de Junho de 2020 às 14:47

Atualizada em : 06 de Junho de 2020 às 08:46

Foto: Divulgação

A Faculdade de Rondônia (FARO) divulgou nesta segunda-feira (01), sua nova marca. Agora, com uma identidade gráfica mais dinâmica, acolhedora e acessível, a Instituição passa a comunicar em seu novo logotipo a sintetização das transformações que vêm sendo vivenciadas por seus alunos e colaboradores nos últimos tempos.

 

Precisávamos revernão só o nosso posicionamento, mas também a parte visual da Faculdade que, necessariamente, devem estar intimamente ligados à nossa comunicação, transmitindo de maneira clara os nossos valores e propósito. Compreendendo isso, decidimos atualizar a nossa marca e trazer à tona a nova FARO”, afirma Tarik Souza, representante do Instituto João Neórico, entidade mantenedora da Instituição de Ensino.

 

A NOVA MARCA

 

A nova identidade visual da FARO foi idealizada com base na nova visão adotada pela Faculdade, onde as ações da Instituição partem da premissa do dinamismo, inovação, acolhimento e acessibilidade.

 

Todo o processo de mudança da marca foi desenvolvido com foco para o futuro, onde a FARO prioriza a inovação e modernidade aliadas ao desenvolvimento do mercado de trabalho, mas sem perder seu caráter tradicional na formação dos acadêmicos.

 

A democratização do ensino de qualidade, onde todos possam ter acesso a um estudo de excelência, também é um fator presente na transformação da marca da FARO, pois, com todas essas mudanças, a Instituição pretende dar início a uma nova fase, onde a sociedade rondoniense possa ter maiores e melhores oportunidades de ingresso ao Ensino Superior de qualidade.

 

Com o lançamento da nova marca e início desse novo momento na Instituição, a FARO reafirma que a Educação deve construir pontes e não muros. Pontes para novos mundos, onde o conhecimento sirva para conectar e não segregar pessoas e a excelência na qualidade de ensino não seja um privilégio, mas sim um direito de todos, todos que sonham com uma vida melhor, que entendem o Diploma como uma oportunidade de ascender socialmente, onde todo esforço e dedicação para conquistá-lo serão recompensados.

 

Lembrem-se: Nenhuma distância é maior do que seus sonhos!

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS