ESCLARECIMENTO: Material utilizado para sanitizar UPAS é avalizado pela ANVISA, diz empresa

De acordo com Nota encaminhada pela empresa, a denuncia é infundada e movida unicamente pela frustração de alguns concorrentes perdedores na contratação em referência

ESCLARECIMENTO: Material utilizado para sanitizar UPAS é avalizado pela ANVISA, diz empresa

Foto: Divulgação

Após a veiculação da reportagem intitulada “PERIGO: Material utilizado pela prefeitura para sanitizar UPAS não serve para o COVID-19”, a Marifossa Saneamento, uma das principais prestadoras de serviços de saneamento de efluentes, combate a pragas urbanas, limpeza técnica, desinfecção e destinação de resíduos em Porto Velho, se manifestou sobre o caso.

 

De acordo com Nota encaminhada pela empresa, a denuncia é infundada e movida unicamente pela frustração de alguns concorrentes perdedores na contratação em referência.

 

 

Essa denuncia partiu do Ofício 415/2020 protocolado no Gabinete da Prefeitura no último dia 26 de maio, nele, está inserido o Parecer nº 1/2020 da Agencia Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia – AGEVISA, ao qual informa que o B-QUART SEPT, produto utilizado na sanitização, não possuiria eficácia comprovada contra o vírus do COVID-19.

 

Segundo representantes da Marifossa o parecer da Agevisa não descarta a eficácia do B-QUART SEPT no combate ao vírus, somente relata que o rótulo do produto não traz informação específica com relação a isso. O mesmo acontece com as Águas Sanitárias, que são à base de Hipoclorito de Sódio, também recomendado pela Anvisa, mas não trazem em seus rótulos nenhuma informação sobre eficácia no combate ao COVID-19.

 

 

 

Contudo, a nota Técnica Nº 34/2020 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA emitiu alerta sobre procedimentos de desinfecção em locais públicos realizados durante a pandemia da COVID-19, descreveu e recomendou que fossem utilizados, dentre outros, saneantes de uso geral, devidamente registrados na ANVISA, cuja composição seja formada por quaternários de amônio, bem como por outras matérias primas.

 

Além disso, a Nota Técnica nº 47/2020 da Anvisa recomenda o uso de produtos à base de quaternários de amônio inclusive para substituir o álcool 70%, para combater o novo coronavirus, o que colocaria o B-QUART SEPT entre os saneantes eficazes contra o vírus, já que seu princípio ativo também é o quaternário de amônio.

 

Tal recomendação é feita em razão de já haver estudos que comprovam a eficácia desses materiais n combate aos microrganismos semelhantes ao COVID-19.

 

A fabricante do produto, NEW DROP Química Ltda, emitiu Nota Técnica em 02 de março de 2020, onde informa a seus consumidores que o saneante B-QUERT SEPT possui formulação única de amplo espectro, integrando a quinta geração de quaternários de amônio, além de ser eficaz contra bactérias, vírus, fungos, mofos, bolores e leveduras.

 

 

Ainda segundo os representantes da Marifossa, a empresa já realizou esse contrato pelo preço justo, que é bem menor que o oferecido pelas outras concorrentes, isso por levar em consideração seu papel social frente a essa pandemia e que jamais utilizou de expedientes obscuros para qualquer serviço prestado.

 

“A Marifossa Saneamento tem mais de vinte anos de atuação no mercado e segue atuando na frente do combate e prevenção à infecção por COVID-19, seguindo absolutamente todas as normas estipuladas pelos órgãos controle e fiscalização, e cumprindo todas as suas obrigações previstas no contrato firmado com o Município”, mencionou Fernando Nascimento, gerente administrativo da empresa.

Direito ao esquecimento

Qual a sua opinião sobre o programa Big Brother Brasil?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS