BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

APARECEU: “Achei que estava perdido”, afirma mulher acusada de furtar cachorro

Luciene Brito, é empregada doméstica e alega que sequer teria condição de criar um cachorro dessa raça

DA REDAÇÃO

27 de Fevereiro de 2020 às 16:06

Foto: Divulgação

Um suposto furto de um cachorro da raça shitzu que foi amplamente divulgado nas redes sociais e veículos de comunicação de Porto Velho nesta quinta-feira (27) teve um desdobramento.

 

A mulher acusada pela dona do animal de ter supostamente subtraído ele de sua residência acionou a reportagem que foi até a casa dela. No local, ela estava com o cachorro e afirmou que apenas pegou ele por achar que estava perdido.

 

Luciene Brito, é empregada doméstica e alega que sequer teria condição de criar um cachorro dessa raça, ela ainda afirma que não entrou na casa da dono do animal e nega qualquer alegação de que teria agido de má fé nesse caso.


“A dona do animal está dizendo que entrei na residência dela, coisa que não aconteceu, ela diz que eu saí de um carro e nem carro eu tenho. Eu peço que a dona dele me procure e tenha a consciência que eu não furtei esse cachorro”, afirmou Luciene Brito.

 

O repórter William Ferreira “Homem do Tempo”, conversou com Luciene.

 

Confira vídeo:

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS