BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Pedreiro tem cabeça esmagada por marquise em acidente de trabalho

O acidente de trabalho aconteceu por volta das 16h00 na Linha 51, setor chacareiro de Vilhena.

Extra de Rondônia

29 de Dezembro de 2016 às 14:23

Foto: Divulgação

O construtor Deividson Jonatas Fernandes de Oliveira, de 35 anos, morreu na tarde desta última quarta-feira, 28, após a marquise de construção cair em sua cabeça.

O acidente de trabalho aconteceu por volta das 16h00 na Linha 51, setor chacareiro de Vilhena.

Segundo apurado no local, a vítima estava rebocando a parede de uma edícula que está sendo construída, quando a marquise de concreto caiu e o atingiu na cabeça.

O construtor teve a cabeça esmagada, segundo os ajudantes da obra. A marquise despencou de uma altura de aproximadamente seis metros.

A obra é vistoriada por engenheiro e arquiteto. A perícia da Polícia Civil vai apurar se houve negligência por parte dos responsáveis da obra.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS