BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CONFRONTO - Manifestantes queimam carros em Jacy, barrageiros atacam população e Usina Jirau pode ser bloqueada

O confronto entre os manifestantes e barrageiros durou das 19:00 ás 22:30. Em nenhum momento compareceu qualquer policial no local, com a policia militar só chegando no local após os carros queimados.

Da Redação

21 de Junho de 2013 às 10:13

Foto: Divulgação

Manifestantes podem fechar os acessos da Usina de Jirau ainda nesta sexta-feira (21).
Os atos de vandalismo em Jacy Paraná, distrito distante cerca de 90km da capital foi provocado por cerca de 50 jovens que se apresentaram como estudantes. Muitos estavam com panos amarrados nos rostos para não serem reconhecidos . Com o aumento da tensão , operários barrageiros da Camargo Correa se confrontaram com os manifestantes em cima da ponte do rio Jacy Paraná, onde aconteceu uma verdadeira guerra urbana.

Uma caminhonete e um veículo pequeno foram incendiados e diversos ônibus que transportam funcionários de Jirau tiveram seus parabrisas quebrados. O confronto entre os manifestantes e barrageiros durou das 19:00 ás 22:30. Em nenhum momento compareceu qualquer policial no local, com a policia militar só chegando no local após os carros queimados.

Militares do Exército que passaram no local disparam tiros para o alto com munição letal e romperam a barreira dos protestos, houve muito tumulto e correria.

As filas ficaram quilométricas, com cerca de 5km na BR 364 tanto no sentido Porto Velho como no sentido Rio Branco AC

Centenas de barrageiros ficaram revoltados pois estavam trabalhando desde ás 3:00 hs da madrugado daquele dia e estavam indo para suas casas casados da jornada de trabalho na hidrelétrica de Jirau.

 Os manifestantes estavam municiados de muita gasolina e havia estoques de combustíveis em baixo da ponte do rio Jacy-Paraná.

Por volta das 20:30, Os barrageiros bastantes revoltados com os manifestantes que bloqueavam a BR 364 em Jacy decidiram partir para o enfrentamento com paus e pedras nas  mãos, finalizando com diversos integrantes tanto da parte dos manifestantes como dos barrageiros feridos com pedradas nas pernas e na cabeça.

Manifestantes podem fechar os acessos da Usina de Jirau ainda nesta sexta-feira (21). O canteiro de obras fica a cerca de 10km do distrito onde houve o confronto entre barrageiros e população.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS