BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

UTILIDADE PÚBLICA - Fhemeron precisa urgente de doadores de sangue

UTILIDADE PÚBLICA - Fhemeron precisa urgente de doadores de sangue

Da Redação

20 de Novembro de 2012 às 14:52

Foto: Divulgação

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Rondônia (Fhemeron) solicita à população que compareça aos Hemocentros nas cidades de Guajará-Mirim, Porto Velho, Ariquemes, Ji-paraná, Cacoal, Rolim de Moura e Vilhena para doarem sangue.
Com o aumento no número de leitos nos hospitais, cirurgias e a quantidade crescentes de acidentes de trânsito, houve um aumento na demanda. "Hoje precisamos em média de 500 bolsas por dia e estamos captando apenas 300, a doação de sangue é voluntária, nobre e salva vidas”, afirma o Presidente da Fundação, Ted Wilson.
Empresas públicas, privadas, comunidades, associações, escolas, faculdades, clubes, quartéis militares, entre outros, podem entrar em contato com a Fhemeron pelo telefone 0800 842 5744 e uma unidade móvel (tipo ônibus) com profissionais treinados e capacitados, será disponibilizada para ir até o local para efetuar a coleta de sangue, no dia e hora conveniente aos doadores.
"Os hemocentros estão interligados através de moderno sistema computadorizado e a distribuição do sangue em todo Estado é realizada por veículo refrigerado e as bolsas acondicionadas em caixas especiais, desta forma, servimos as unidades de saúde em tempo recorde e peço aos doadores que exerçam sua cidadania doando sangue", diz o presidente da Fhemeron.
Ted Wilson conclama os rondonienses, que é um povo generoso e humanitário, à doação espontânea de sangue em qualquer unidade de coleta da Fhemeron, em Porto Velho está localizada na Av. Governador Jorge Teixeira ao lado do Hospital de Base e funciona das 7 às 19 horas. "Sangue humano não tem substituição, ajudem os nossos concidadãos doando sangue, não dói, os materiais utilizados na coleta (agulhas, seringas, bolsas, luvas e outros) são esterilizados e descartáveis para total segurança do doador". Doe sangue, doe vida, finaliza Ted.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS