BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Tempestade durante a madrugada causa estragos e provoca desespero em Guajará-Mirim – Confira fotos

Tempestade durante a madrugada causa estragos e provoca desespero em Guajará-Mirim – Confira fotos

Da Redação

28 de Outubro de 2009 às 10:52

Foto: Divulgação

A forte chuva que caiu durante a madrugada de ontem (27) no município de Guajará-Mirim, fronteira com a Bolívia, causou estragos irreparáveis em várias residências nos bairros Santa Luzia, 10 de abril e Fátima, no entanto o local mais afetado pelos fortes ventos foi o bairro Santa Luzia, mais precisamente em uma vila de casas.

A vila está localizada no cruzamento das Avenidas Clara Nunes com Mascarenhas de Morais, para muitos um milagre aconteceu, no momento do acidente dormiam em um dos quartos da casa Jango Figueiredo Dias, 45 anos, e seu filho de apenas 9 anos, quando o vento derrubou a parede lateral e caiu em cima da cama causando cortes e hematomas em várias partes do corpo de Jango. Ele e o filho foram socorridos ao Pronto Socorro do Hospital Regional onde foram medicados e depois liberados.

“Quando retornamos ao local, o pai e o filho ficaram estarrecidos com as imagens”, disse o sargento/BM Bragado, que encontrou os oito quartos da vila atingidos, desabrigando famílias.

Uma multidão esteve presente para ajudar as famílias. Em entrevista ao programa Tribuna do Povo, da Rádio Educadora, Jango disse que a mão de Deus foi colocada sobre a sua casa, já que a pedra passou a poucos centímetros de sua cabeça.

A vítima desabafou dizendo: “Esse é o momento das autoridades se unirem e juntos resolverem a situação de muitos que não tem pra onde ir”.

Próximo a vila, o vento derrubou o teto da residência da radialista Leyde Melo. De acordo com seus familiares Leyde, que trabalha na Rádio Educadora, sofreu várias lesões pelo corpo e foi hospitalizada durante a madrugada de hoje. Por telefone ela disse aos seus ouvintes que foi um milagre que salvou sua vida.

A Prefeitura informou que uma equipe deve ser formada para dá suporte aos moradores que por enquanto não tem aonde ir. O Exército Brasileiro também esteve dando apoio as famílias que sofreram com o acidente.

Outra equipe do Corpo de Bombeiros foi designada a uma residência na Avenida Antônio Luiz de Macedo, no bairro de Fátima, onde uma árvore caiu sobre uma residência causando outro grande estrago, a situação se agravou ainda mais pela manhã quando a chuva voltou a castigar o município pegando muita gente de surpresa.

Os bombeiros lotados no 3º Sub-Grupamento isolaram as áreas atingidas para evitar novos desabamentos e deixou a Policia Militar em alerta para possíveis chamadas de emergência. Até o momento os representantes da Defesa civil, no município, ainda não se manifestaram.

CONFIRA FOTOS:

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS