ESPAÇO ABERTO: Logística mal feita pela Semusa tumultua vacina e aborrece população

ESPAÇO ABERTO: Logística mal feita pela Semusa tumultua vacina e aborrece população

Foto: Divulgação

INGERÊNCIA
 
Porto Velho tem mais de meio milhão de habitantes e a Secretaria Municipal de saúde entendeu que apenas dois pontos de vacinação, na maior capital em extensão territorial do país, estariam de bom tamanho. É claro que o povo chiou. E com razão.
 
ERRO
 
Para se vacinar na capital,  é necessário se cadastrar no aplicativo ‘Sasi’, e aguardar o agendamento feito pela prefeitura, sem a certeza de quando haverá  acesso à vacina.
 
PONTOS
 
Os locais de vacinação são o campus da Faculdade  Uniron, localizado na avenida Mamoré, na Zona Leste; e o outro o Centro Universitário São Lucas (campus da antiga Ulbra), na rua João Goulart, no bairro Mato Grosso, na região Central da capital. 
 
AGLOMERAÇÃO
 
Desde quando iniciou a vacinação na capital, diversas vezes a Semusa  registrou aglomerações nos postos de imunização e 
teve dificuldades para organizar as filas.
 
SINAL
 
Já era uma evidência de que a logística estava errada, mas mesmo assim o problema não foi resolvido. Em várias ocasiões, o tamanho das filas era quilométrico.
 
LONGE
 
Quem mora na região Sul da cidade, por exemplo, vai passar por dificuldades. Isso porque para vacinar, terá que se deslocar para as zonas Central ou Leste. 
 
ESPERA
 
Quem se cadastrou no “Sasi” é avisado por mensagem para ir ao local de vacinação na hora marcada para evitar aglomerações. A questão é que vem ocorrendo da pessoa não vacinar no tempo programado, mesmo com o agendamento, e à espera levar horas.
 
TAMANHO
 
Segundo a Semusa, a escolha dos pontos de vacinação  foi pelo tamanho do local, número de doses diárias, disponibilidade de internet e computadores para alimentação de sistema.
 
SEM GENTE
 
A Semusa esclarece ainda que não ampliou a vacinação para os postos de saúde municipais dos bairros porque nas repartições há apenas uma sala com duas pessoas, já que no dia a dia as demandas seriam menores.
 
ACOMPANHANTES 
 
Ainda sobre as aglomerações nas filas de espera, a Semusa declarou que os acompanhantes dos agendados é que estão causando o problema.
 
ACOMPANHANTES 2
 
A Semusa argumenta que se cada uma entre duas mil pessoas agendas levar pelo menos um acompanhante, haverá 4 mil pessoas no local.
 
ACOMPANHANTES 3
 
Não considerando as pessoas que tem dificuldade de locomoção, o raciocínio da Secretaria Municipal de Saúde é sensato. Mas que houve falta de organização, isso não há nenhuma dúvida.
 
SEM VACINA
 
E a cidade de Porto Velho amanheceu hoje sem vacinação. Segundo a Semusa, a Agevisa ainda não teria repassado as vacinas que chegaram ao Estado, para as prefeituras.
 
 
IMEDIATO
 
O  presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, determinou ontem  a imediata execução da cassação do mandato do deputado Aelcio da TV.
 
IMEDIATO 2
 
Com isso, a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Rondônia deverá convocar o suplente José Ribamar Araújo (PP). Barroso acrescentou que o descumprimento da decisão pode ocasionar  violação à decisão do Órgão Colegiado e virar processo judicial.
 
ASSUMIU
 
O secretário de Agricultura de Rondônia, Evandro Padovani, é o novo presidente do PSL em Rondônia. O cargo foi ajustado, em Brasília, com o  vice-presidente nacional do PSL, Antonio de Rueda, e o deputado federal paulista, Júnior Bozzella.
 
OBJETIVO
 
Uma das primeiras atitudes do dirigente foi formalizar um convite ao governador de Rondônia, Marcos Rocha, para voltar ao partido. Eleito pela sigla em 2018, Rocha pode disputar o mesmo cargo novamente, já que terá espaço na agremiação.
 
DEPUTADOS
 
Padovani também pretende seguir orientação nacional do PSL, que é formar uma nominata forte de candidatos a deputado federal, o que ajudaria a manter a legenda como a maior bancada na Câmara dos Deputados.
 
LULA
 
O  vice-presidente nacional do PSL, partido onde o presidente Jair Bolsonaro se elegeu em 2018, já declarou que votará em Lula (PT) caso o petista enfrente Bolsonaro no 2º turno das eleições em 2022.
 
MARIDO TRAÍDO
 
O deputado federal, coronel Chrisóstomo, maior liderança do PSL no Estado de Rondônia ficou sabendo do novo cargo de Padovani pelos jornais. Realmente, não há o que não haja.
 
ALERTA
 
Os energúmenos que costumam fazer plantão no Espaço Alternativo com uma “ boate ambulante”  fiquem espertos. Parece que finalmente o desrespeito ao ouvido alheio vai ser punido.
 
PRA CIMA
 
A prefeitura de Porto Velho disse que através dos órgãos de vigilância e fiscalização vai apertar o cerco contra os barulhentos que insistem em desrespeitar as normas estipuladas de emissão de decibéis por cidadão. 
 
TEXTO
 
De acordo com a Legislação municipal é permitida a emissão de 55 decibéis durante o dia e 45 decibéis à noite. No entanto, muitos bares, casas noturnas sem isolamento acústico, residências e os desocupados que vão pra rua com som, mostrar o tamanho de sua capacidade intelectual, acabam descumprindo a determinação.
  
CONSEQUÊNCIAS
 
Pessoas que convivem com ou no entorno de lugares barulhentos costumam apresentar problemas de depressão, distúrbios auditivos, além de perderem a tão benéfica paz.
 
SANSÕES 
 
Para os barulhentos que forem flagrados pelas equipes da prefeitura, a penalidade aplicada pode ir de multa à apreensão de equipamentos.
 
SÃO THOMÉ
 
Do Batalhão de Trânsito eu ouvi, no ano passado, que as motos escrotas com descarga insuportável iam ser apreendidas. Checando as ocorrências de trânsito não encontrei uma única apreensão por conta de decibéis além do permitido.
 
RIGOR
 
Major Carvalho, novo comandante do Batalhão de Trânsito de Porto Velho, que assumiu faz pouco tempo, me disse que já está sendo preparado um trabalho para tirar de circulação veículos com barulho além do permitido.
 
 
GELOU
 
Foi de “renguear custo”. Assim alguns sulistas me definiram o frio na manhã de ontem, tanto na capital como na região Sul do Estado.
 
CARRAPITO
 
Quem disse que chifre é motivo de tristeza? Para alguns ter uma “ guampa” é motivo de festa. O folclórico personagem da cultura de Porto Velho, Pedro da ASCRON, completou 62 anos de idade com muita satisfação.
 
EM DOBRO
 
Além da felicidade pelo aniversário e o chifre, Pedro festejou ter tomado a primeira dose da vacina contra o COVID-19. Ele visitou a redação do  Rondoniaovivo.
 
REMÉDIO
 
Pedro enfatiza que mesmo com todos os problemas causados pela pandemia, o bom humor e a felicidade ainda são as melhores ferramentas para encarar a vida.
 
“COLEGAS” 
 
Pedro da ASCRON mandou uma mensagem de esperança para todos os cornos, não cornos e os que ainda serão cornos dentro do estado de Rondônia. “Chifre na cabeça e vacina no braço!
 
RECONHECIMENTO
 
O chifre assumido tornou Pedro presidente vitalício da Associação dos Cornos de Rondônia – ASCRON. Sua “entidade” já ganhou destaque nacional em programas jornalísticos como Fantástico e Domingão do Faustão na Globo.
 
INEVITÁVEL
 
Tenho um amigo, e não é o Pedro, que garante que chifre é que nem Coca Cola, todo mundo um dia vai experimentar. Desde que eu não saiba, ta valendo.
 
Direito ao esquecimento

Em um 2º turno entre candidatos de direita, em quem você votaria?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública. Vote quantas vezes quiser!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS