ESPAÇO ABERTO: Rondônia põe em prática logística para distribuição das vacinas aos municípios

Confira a coluna de Cícero Moura

ESPAÇO ABERTO: Rondônia põe em prática logística para distribuição das vacinas aos municípios

Foto: Divulgação

É HOJE
 
Diferente do que a FAB e o Ministro da Saúde informaram no domingo, as primeiras doses da vacina contra o coronavírus chegam ao Estado no início da manhã desta terça-feira (19). A informação foi divulgada pelo governador Marcos Rocha na tarde desta segunda-feira. 
 
GRANDES AMIGOS
 
Rondônia recebe as vacinas depois de Acre e Roraima. Afinal, Marcos Rocha, amigão de Bolsonaro, pode esperar sem problemas. Amigos são para essas coisas.
 
QUANTIDADE 
 
Serão mais de 40 mil doses da vacina CoronaVac. Não há previsão de quando será enviado outro lote de doses para Rondônia.
 
CÁLCULO
 
Embora a população rondoniense seja de um milhão e 900 mil habitantes é o Ministério da Saúde que define a quantidade de doses para cada estado. O cálculo é feito baseado nas campanhas nacionais de vacinação. 
 
DISTRIBUIÇÃO 
 
As doses do imunizante chegarão no Aeroporto Internacional Jorge Teixeira, na capital, e seguirão para a Rede de Frio. De lá, serão distribuídas para as regionais Ariquemes, Ji-Paraná, Rolim de Moura, Cacoal e Vilhena, onde também existem locais apropriados para armazenamento.
 
PREFEITURA 
 
A Secretaria Municipal de Saúde informou que ainda hoje pela manhã vai vacinar profissionais da saúde, que estão na linha de frente, na sede do SAMU, na capital.
 
DISTRIBUIÇÃO 2 
 
A partir das centrais, as doses serão distribuídas para o restante dos municípios de Rondônia. Os profissionais de saúde serão os primeiros a serem vacinados, seguidos de pessoas de 80 anos ou mais.
 
DUAS ETAPAS
 
Conforme o Plano Estadual de Operacionalização da Vacinação Contra à Covid-19, a vacina será aplicada em duas doses, com intervalo de 14 dias. 
 
ISOLAMENTO
 
O toque de recolher imposto pelo atual decreto em vigor tem como principal finalidade deixar clara a importância do isolamento social restritivo de 10 dias para frear a propagação do coronavírus e, consequentemente, desafogar os hospitais em todo Estado.
 
SEM LOCKDOWN
 
Caio Nemeth, do Comitê Técnico-Científico do estado, explica que o lockdown isola todo mundo, inclusive grupos que não tem necessidade de isolação. Já o isolamento social restritivo distancia regiões específicas em horários pré-estabelecidos.
 
TÁTICA
 
O modelo adotado pelo Governo de Rondônia é uma estratégia, com tempo de duração predeterminado por estimativas numéricas, que foca unicamente em desacelerar o crescimento da ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI´s), sendo esta, a última opção adotada pelo Estado.
 
NÃO É REMÉDIO
 
Pessoas mais simples, com pouca informação, acreditam que a vacina Coronavac pode curar o paciente com coronavírus. Isso não é verdade. A vacina é um imunizante usado com a intenção de proteger o sistema imunológico de cada pessoa.
 
LINHA DE FRENTE  
 
Em quase todas as publicações, os profissionais de saúde ganham destaque como sendo o grupo prioritário para proteção. Não há nenhuma dúvida de que esses profissionais tem que estar na linha de frente da vacinação. No entanto, não se pode esquecer dos agentes funerários  e coveiros que também lidam diretamente com infectados, infelizmente pessoas que não resistiram à doença.  
 
PRIORIDADE
 
Diante do atual cenário pandêmico, o Sindicato de Cemitérios e Crematórios (Sincep), único no Brasil com atuação nacional, prepara pedido judicial para ser enquadrado no grupo prioritário de vacinação. 
 
ASSOCIADOS 
 
Coveiros, atendentes, motoristas, auxiliares funerários e demais trabalhadores do setor já foram consideradas profissões essenciais ao controle de doenças pela Lei 14.023, de 08 de Julho de 2020. O setor engloba 14 mil empresas (cemitérios, crematórios, funerárias e planos funerais) e emprega mais de 40 mil pessoas no Brasil. 
 
SENSATEZ
 
É bem provável que não haja nenhum questionamento em contrário quanto ao pedido dos profissionais da área. Estão tão vulneráveis quanto aos nobres médicos, enfermeiros e outros guerreiros que atuam em unidades de saúde.
 
IMPOPULAR
 
A parcela da população que reprova o governo de Jair Bolsonaro aumentou pela primeira vez desde março de 2020, segundo pesquisa divulgada nesta segunda
pela XP Investimentos em parceria com o Ipespe. O levantamento de janeiro aponta que subiu de 35% para 40% a fatia que considera a gestão como ‘ruim ou péssima’. 
 
OUTRO AUMENTO
 
A Petrobras elevará o preço médio da gasolina nas refinarias em cerca de 8% a partir de hoje, após três semanas sem mudanças nas cotações, segundo dados
da petroleira estatal e cálculos da Reuters nesta segunda. 
 
EM ALTA 
 
Petrobras, Vale e Magazine Luiza ficaram entre as ações preferidas dos investidores de alta renda em dezembro, segundo pesquisa realizada pela fintech de consolidação de investimentos SmartBrain. 
 
NA FRENTE
 
Que pandemia da coronavírus antecipou a transformação digital todo mundo sabe. De olho nisso, o Sebrae está disponibilizando cursos online gratuitos que podem ser feitos pelo WhatsApp. O público-alvo são pessoas que estão buscando capacitação para abrir um negócio próprio.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

P S Sabara - ME

Papéis Cometa LTDA

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS